14:53 14 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    © Sputnik .

    A delegação oficial da equipe olímpica russa, que inclui atletas de várias modalidades, partiu nesta quinta (28) do aeroporto moscovita Sheremetyevo ao Rio de Janeiro para participar dos XXXI Jogos Olímpicos.

    Fãs, liderança do Comitê Olímpico da Rússia, como o presidente da organização, Aleksandr Zhukov, e um grande número de representantes da mídia marcaram presença na cerimônia de despedida da seleção russa.

    Ultimamente, não somente a equipe russa vem sendo criticada, mas toda a nação. Os atletas russos resistem com dignidade, afirmou o campeão olímpico de Londres-2012, jogador de vôlei da Federação Russa, Sergei Tetyukhin.

    Para Tetyukhin, jogador de 40 anos de idade, os Jogos Olímpicos no Rio será a sexta competição olímpica da sua carreira. De acordo com a Federação de Vôlei da Rússia, Tetyukhin vai levar a bandeira russa na cerimônia de abertura dos Jogos.

    O Comitê Olímpico Internacional (COI) decidiu, no dia 24 de julho, não afastar toda a delegação da Rússia dos Jogos de 2016, deixando a cargo das federações a aprovação de atletas para as competições. Todos os atletas russos com histórico de doping não foram admitidos nos Jogos. Assim, as seleções russas de natação, pentatlo, canoagem e remo ficaram incompletas.

    Tema:
    Olimpíada no Brasil sem atletas russos? (31)

    Mais:

    Ministra de Israel não irá à abertura da Olimpíada devido a preceitos judaicos
    Parlamentar italiano: 'afastamento da seleção russa da Olimpíada é sabotagem política'
    Tribunal de Arbitragem do Esporte (CAS) afastou atletas russos da Olimpíada no Rio 2016
    Tags:
    doping, cerimônia, natação, vôlei, delegação, atletas, seleção russa, Olimpíada, Comitê Olímpico da Rússia (COR), Alexander Zhukov, Moscou, Rio de Janeiro, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar

    Mais vídeos