12:55 25 Fevereiro 2018
Ouvir Rádio
    Alexander Zhukov, presidente do Comitê Olímpico Russo (ROC)

    Rússia pode apelar a comissão de ética do COI por relatório da WADA

    © Sputnik/ Maksim Blinov
    Esportes
    URL curta
    Rio 2016 (253)
    0 71

    A Rússia pode apelar à Comissão de Ética do Comitê Olímpico Internacional (COI) sobre o relatório que será publicado pela Agência Mundial Antidoping (WADA) sobre o suposto uso de doping por atletas russos, informou o chefe do Comitê Olímpico russo, Aleksandr Zhukov.

    No último sábado, a agência R-Sport obteve uma cópia da carta enviada pelo executivo-chefe da USADA, Travis Tygart, ao presidente do COI, Thomas Bach, pedindo a exclusão da Rússia dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016.

    O presidente da agência antidoping americana se baseia em uma investigação liderada por Richard McLaren que, segundo ele, aponta o uso sistemático de doping por atletas russos é uma prática controlada pelo Ministério do Esporte da Rússia por meio do serviço secreto. O relatório, no entanto, ainda não foi tornado público.

    “O envolvimentos das agências antidoping de EUA e Canadá vai de encontro aos princípios da Carta Olímpica e mina a credibilidade do relatório de McLaren antes de sua divulgação. Por isso, estamos considerando a chance de levar a questão até a Comissão de Ética para garantir que os procedimentos para investigações independentes sejam observados”, disse Zhukov em carta a Bach.

    Tema:
    Rio 2016 (253)

    Mais:

    Paes: Rússia tem que vir e conquistar muitas medalhas nos Jogos Olímpicos
    'Esporte vem sendo usado como pretexto em política contra a Rússia'
    Rio 2016: Autoridade antidoping dos EUA quer Rússia fora dos Jogos
    Tags:
    doping, relatório, esporte, Olimpíadas, Jogos Olímpicos, Rio 2016, WADA, RUSADA, Comité Olímpico Internacional (COI), Alexander Zhukov, Richard McLaren, Travis Tygart, Thomas Bach, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik