14:00 26 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Esportes
    URL curta
    010
    Nos siga no

    O presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, confirmou em coletiva de imprensa nesta quarta-feira a saída do técnico Tite do comando do Timão para assumir a Seleção Brasileira, em substituição a Dunga, demitido do cargo após a eliminação do Brasil na primeira fase da Copa América.

    A ida de Tite para a seleção era dada como incerta por muitos jornalistas esportivos, apesar do convite feito pela CBF logo após a saída de Dunga. Após refletir bastante sobre a proposta, no entanto, o treinador acabou aceitando, surpreendendo o próprio presidente do seu agora ex-clube. 

    "Tite não trabalha mais conosco. Ele aceitou o convite da seleção brasileira. No jogo de quinta-feira (contra o Fluminense) não dirige mais o time. Junto com ele sai Cleber Xavier, Matheus e Edu Gaspar", afirmou o dirigente, se dizendo surpreso com a decisão.

    "Fui a primeira pessoa que ele comunicou, faz duas horas. Achava que ele não iria, fui surpreendido. Não pensei em nomes. Vou pensar nisso agora".

    Além de Dunga, deixam a seleção todos os outros integrantes da comissão técnica envolvida no fracasso da Copa América, incluindo o coordenador de seleções Gilmar Rinaldi, que deve continuar na CBF por mais alguns dias para ajudar nos trabalhos de transição.

    Mais:

    Dunga é demitido do comando da Seleção Brasileira
    Tags:
    Brasil, Tite, Dunga, Corinthians, CBF, Seleção Brasileira, futebol
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar