10:17 19 Junho 2019
Ouvir Rádio
    Logos do Teatro de Liêge e o descartado da Olimpíada de Tóquio.

    Depois de acusação de plágio, Japão decide trocar logo dos Jogos Olímpicos de Tóquio

    Reprodução
    Esportes
    URL curta
    0 11

    O Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos de Tóquio anunciou nesta terça-feira (1) que decidiu mudar o logotipo oficial da competição. O símbolo da Olimpíada de 2020 era alvo de acusações de plágio ao do Teatro de Liège e estava sendo contestado judicialmente pelo designer belga Olivier Debie, autor da ilustração da instituição da Bélgica.

    O CEO dos Jogos de Tóquio, Toshiro Muto, pediu desculpas ao Comitê Olímpico Internacional (COI) e aos patrocinadores pelos “problemas causados”. Ele afirmou que o designer japonês Kenjiro Sano nega ter copiado o logotipo do Teatro de Liège, mas que as dúvidas colocaram a reputação do evento em perigo.

    A imagem descartada pelo Comitê Organizador Tóquio 2020 também já havia despertado comentários por sua semelhança com o símbolo da J-League, a Liga Japonesa de futebol. Muto divulgou que um novo logotipo será definido rapidamente depois de uma concorrência aberta.

    “Decidimos que honrar a posição de (Kenjiro) Sano e começar a trabalhar em um novo logotipo é a decisão mais apropriada para resolver esta situação”, afirmou Muto após uma reunião do Comitê Organizador.

    Em julho, o Comitê Organizador da competição também abandonou os planos de construção de um novo estádio olímpico. Os opositores da arena esportiva alegaram os altos custos da obra para rejeitarem o projeto.

    Tags:
    mudança, plágio, logotipo, J-League, Tóquio-2020, Olimpíada, Jogos Olímpicos, Comitê Organizador Tóquio 2020, COI, Comitê Olímpico Internacional, Teatro de Liège, Olivier Debie, Kenjiro Sano, Toshiro Muto, Liège, Bélgica, Tóquio, Japão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar