01:32 25 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Economia
    URL curta
    0 25
    Nos siga no

    O Fundo Monetário Internacional (FMI) sublinha que as autoridades devem fortalecer as políticas macroeconômicas e avaliar os benefícios da emissão de moedas digitais.

    A introdução de moedas digitais em mercados emergentes pode causar a "criptonização" das economias locais e comprometer sua estabilidade financeira à medida que as criptomoedas ganham espaço no país, de acordo com o relatório de Estabilidade Financeira Global, divulgado pelo FMI na sexta-feira (1º).

    As criptomoedas continuam atraindo novos usuários e países inteiros, como por exemplo El Salvador, que foi o primeiro país do mundo a adotar o bitcoin como moeda legal.

    No entanto, em muitos casos os membros do ecossistema das criptomoedas carecem de "práticas firmes de operação, governança e gestão de risco", por isso são capazes de causar interrupções, conforme o FMI.

    Embora as turbulências geradas por suas falhas não tenham tido um impacto significativo na estabilidade financeira até agora, a importância de suas implicações potenciais cresce à medida que as criptomoedas se tornam comuns.

    O FMI revela que a adoção rápida e massiva de criptomoedas em novos mercados pode provocar a "criptonização" da economia, caracterizada pelo uso de moedas digitais em vez da moeda local.

    Em alguns mercados emergentes e economias em desenvolvimento, a "criptonização" pode ser impulsionada ainda mais pela credibilidade baixa do Banco Central destes países, sistemas bancários vulneráveis, sistemas de pagamento ineficientes ou acesso limitado a serviços financeiros.

    Isso poderia prejudicar a capacidade do Banco Central do país de executar a política monetária com eficácia e criar riscos adicionais para a estabilidade financeira. Ao mesmo tempo, isso aumenta os riscos para a política fiscal, dado que as criptomoedas facilitam a evasão fiscal.

    Conforme recomendação do FMI, as autoridades devem fortalecer as políticas macroeconômicas e avaliar os benefícios da emissão das próprias moedas digitais do Banco Central, bem como melhorar os sistemas de pagamentos.

    No caso de as novas moedas digitais ajudarem a satisfazer a necessidade de tecnologias de pagamento melhoradas, a pressão da "criptografia" sobre a estabilidade financeira do país poderia diminuir.

    Mais:

    Venezuela corta 6 zeros de sua moeda em resposta à hiperinflação pela 2ª vez em 3 anos
    Escassez de energia na China poderia ter consequências em todo o mundo, diz WSJ
    Europa pede para Rússia aumentar fornecimento de carvão para aliviar crise energética, diz mídia
    Bolha do mercado de capitais dos EUA é maior que a de 1929, diz famoso investidor do Reino Unido
    Tags:
    economia, criptomoeda, bitcoin, país, El Salvador, Banco Central
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar