18:30 19 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Economia
    URL curta
    0 100
    Nos siga no

    As reservas internacionais da Federação da Rússia cresceram US$ 41,4 bilhões (R$ 217,80 bilhões), ou 7,47%, em 2020, chegando a US$ 595,774 bilhões (R$ 3,136 trilhões), informou o Banco da Rússia nesta sexta-feira (15).

    Segundo dados do banco, no início de 2020, as reservas internacionais russas somavam US$ 554,359 bilhões (R$ 2,918 trilhões). Em dezembro, aumentaram 2,25%, o equivalente a US$ 13,098 bilhões (R$ 68,95 bilhões). 

    Essas reservas internacionais incluem ativos estrangeiros de maior liquidez detidos pelo Banco da Rússia e pelo governo, como ouro monetário, direitos de saque especiais (DES), uma posição de reserva no Fundo Monetário Internacional (FMI) e dinheiro em moedas estrangeiras. 

    ​Em 2019, as reservas internacionais da Rússia aumentaram 18,3%. E, em meados do ano passado, atingiram um recorde histórico, de US$ 600,7 bilhões (R$ 3,162 trilhões), no dia 7 de agosto.

    Mais:

    Dólar norte-americano é superado pela 1ª vez pelo ouro nas reservas da Rússia
    Rússia reduz pela metade participação do dólar em suas reservas internacionais
    Rússia aumenta reservas de ouro e injeta US$ 2,7 bilhões nos ativos internacionais
    Tags:
    Rússia, reservas, dinheiro, moeda, Banco da Rússia, dólares, ativos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar