01:31 12 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Economia
    URL curta
    0 41
    Nos siga no

    O Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) reduziu a taxa básica de juros da economia brasileira de 3% para 2,25% ao ano nesta quarta-feira (17).

    A decisão foi justificada com base na deterioração do cenário econômico brasileiro por conta da pandemia do novo coronavírus.

    "No cenário externo, a pandemia da COVID-19 continua provocando uma desaceleração pronunciada do crescimento global. Nesse contexto, apesar da provisão significativa de estímulos fiscal e monetário pelas principais economias e de alguma moderação na volatilidade dos ativos financeiros, o ambiente para as economias emergentes segue desafiador", justificou o Banco Central, em nota.

    O corte renovou o menor patamar histórico para a taxa Selic desde 1999.

    Outro ponto que foi utilizado pelo Copom como base para a tomada de decisão foram os resultados do Produto Interno Bruto (PIB) no primeiro trimestre deste ano.

    "Em relação à atividade econômica, a divulgação do PIB do primeiro trimestre confirmou a sua maior queda desde 2015, refletindo os efeitos iniciais da pandemia. Indicadores recentes sugerem que a contração da atividade econômica no segundo trimestre será ainda maior. Prospectivamente, a incerteza permanece acima da usual sobre o ritmo de recuperação da economia ao longo do segundo semestre deste ano", escreveu o BC.

    O comitê disse que ainda irá avaliar nas próximas reuniões o impacto da pandemia da COVID-19 na economia para tomar os próximos passos.

    Mais:

    Efeitos da pandemia: PIB cai 1,5% no 1º trimestre de 2020
    'Reformas' e atenção às pequenas empresas podem frear desemprego no Brasil, diz economista
    Retomada econômica só virá com pacto entre governo, iniciativa privada e sociedade, diz especialista
    Banco Central reduz taxa Selic para 3% ao ano
    Tags:
    Brasil, economia, taxa de juros, Selic, Banco Central, Copom
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar