12:04 29 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Economia
    URL curta
    Pandemia da COVID-19 e o mundo no início de maio (100)
    0 50
    Nos siga no

    A Arábia Saudita decidiu alocar dois bilhões de riais (cerca de R$ três milhões) para a importação de produtos agrícolas em meio à pandemia da COVID-19.

    Segundo informações do fundo de desenvolvimento agrícola do país citadas pela Reuters, a preocupação das autoridades é a de garantir a segurança alimentar da população durante essa redução das atividades econômicas em decorrência da crise sanitária provocada pelo novo coronavírus. 

    A iniciativa, que será realizada por meio de uma mistura de empréstimos diretos e indiretos, terá como alvo, em sua primeira fase, produtos como arroz, açúcar, soja e milho. Outros alimentos serão adicionados de acordo com as necessidades do mercado e a estratégia de segurança alimentar adotada.

    No último sábado (2), o ministro saudita das Finanças, Mohammed Al-Jadaan, afirmou que o seu país precisava adotar medidas dolorosas para absorver o impacto da pandemia da COVID-19 em sua economia, que, segundo ele, já poderia ser sentido neste segundo trimestre, trazendo mudanças significativas.

    Atualmente, de acordo com o Centro de Recursos de Coronavírus da Universidade Johns Hopkins, a Arábia Saudita tem 30.251 casos confirmados de pessoas contaminadas pelo novo coronavírus, com 200 mortes.

    Tema:
    Pandemia da COVID-19 e o mundo no início de maio (100)

    Mais:

    Estes são os melhores alimentos para combater vírus, segundo nutricionista
    Venezuela decide fiscalizar e ocupar empresas contra encarecimento de alimentos durante a pandemia
    Trump anuncia programa de alívio de US$ 19 bilhões para agricultores
    Tags:
    surto, doença, novo coronavírus, COVID-19, pandemia, alimentos, comida, Segurança Alimentar, Oriente Médio, Arábia Saudita
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar