22:10 01 Abril 2020
Ouvir Rádio
    Economia
    URL curta
    4170
    Nos siga no

    Pesquisadores russos e brasileiros realizaram estudo conjunto sobre potenciais agrícolas dos dois países do BRICS. Resultados mostram que as agriculturas de Rússia e Brasil são muito mais parecidas do que se poderia imaginar.

    Pesquisadores da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e da Academia de Economia Nacional e Administração Pública da Presidência da República da Rússia conduziram estudo conjunto para identificar os potenciais agrícolas de Rússia e Brasil no contexto da cooperação BRICS.

    Apesar dos países usufruírem de condições climáticas bastante diferentes, ambos são líderes mundiais na exportação de commodities agrícolas: a Rússia com a exportação de trigo e o Brasil com a soja.

    Colheita do trigo no sul da Rússia
    © Sputnik / Vitaly Timkiv
    Colheita do trigo no sul da Rússia

    O desenvolvimento do agronegócio e o seu contraste com a agricultura familiar também é uma realidade em ambos os países, acompanhada pelas tensões sociais advindas das pressões da expansão do agro.

    Tanto na Rússia quanto no Brasil o agronegócio responde por 50% da produção agrícola total, e a mesma lógica de produção voltada para a exportação é aplicada pelas duas nações. A liderança nas exportações de commodities agrícolas foi atingida pelos gigantes graças à aplicação de alta tecnologia no campo.

    • Morangos produzidos pela agricultura familiar na região de Krasnodar, na Rússia
      Morangos produzidos pela agricultura familiar na região de Krasnodar, na Rússia
      © Sputnik / Vitaly Timkiv
    • Colheita de morango em fazenda na região de Stavropol,  no sul da Rússia
      Colheita de morango em fazenda na região de Stavropol, no sul da Rússia
      © Sputnik / Denis Abramov
    • Framboesas colhidas na fazenda da região de Krasnodar, na Rússia
      Framboesas colhidas na fazenda da região de Krasnodar, na Rússia
      © Sputnik / Vitaly Timkiv
    • Agricultor colhe framboesas em fazenda na região de Kasnodar, na Rússia
      Agricultor colhe framboesas em fazenda na região de Kasnodar, na Rússia
      © Sputnik / Vitaly Timkiv
    • Campo de repolhos em fazenda na região de Kaliningrado, na Rússia.
      Campo de repolhos em fazenda na região de Kaliningrado, na Rússia
      Игорь Зарембо
    • Agricultora mostra repolhos colhidos em fazenda na região de Kaliningrado, na Rússia
      Agricultora mostra repolhos colhidos em fazenda na região de Kaliningrado, na Rússia
      © Sputnik / Igor Zarembo
    1 / 6
    © Sputnik / Vitaly Timkiv
    Morangos produzidos pela agricultura familiar na região de Krasnodar, na Rússia

    Os russos ficaram particularmente impressionados com o trabalho da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), que tem papel fundamental no desenvolvimento da agricultura brasileira. Os pesquisadores russos não deixaram de notar a contribuição essencial das universidades localizadas na zona rural para o aumento da produtividade agrícola do país.

    Já os brasileiros notaram a ampla rede de escolas, bibliotecas e centros culturais que a Rússia mantém nas suas zonas rurais. Para eles, o sistema russo fortaleceria o combate ao analfabetismo e o acesso à cultura, desafios significativos nas zonas rurais brasileiras.

    Os pesquisadores acreditam que o resultado dos estudos, que conduziu robusto levantamento estatístico, irá apoiar os esforços para maior cooperação econômica e para o desenvolvimento do comércio entre os países.

    Mais:

    MST vive 'espera' na era Bolsonaro: 'Não é o momento de confrontar o proprietário'
    Brasil tem soja suficiente para suprir gigante mercado chinês?
    Acordo entre Brasil e EUA sobre trigo pode prejudicar relações com Argentina?
    Tags:
    Brasil, Rússia, Fórum de Agronegócios do BRICS, agronegócio, agricultura
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar