02:22 11 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Aviões Embraer Phenom 300 e jato Legacy 600 na  no Expo Aero Brasil, em São José dos Campos (SP)

    Modelo de jato da Embraer que levou Lula de Curitiba vai passar por recall

    ©Lucas Lacaz Ruiz/Folhapress
    Economia
    URL curta
    0 40
    Nos siga no

    A Embraer anunciou recall de cerca de 180 jatos executivos Phenom 300, modelo usado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para ir de Curitiba para São Paulo após deixar a prisão.

    A inspeção preventiva foi determinada pela Agência Nacional de Avião Civil (Anac), segundo Diretriz de Aeronavegabilidade emitida nesta quarta-feira (13) pelo órgão.

    Os aviões que terão que passar pelo recall têm mais de seis anos. Os jatos, um dos mais usados no Brasil, só poderão voltar a operar após a vistoria. De acordo com a Anac, foram constatados casos de corrosão nos pesos das massas de balanceamento das superfícies de comando.

    O problema pode causar um desbalanceamento da aeronave e até mesmo perda de controle. O recall atingirá aproximadamente 30% da frota do Phenom 300 - 180 dos 500 jatos em operação no mundo. A Embraer informou que não foi registrado nenhum incidente relacionado ao problema detectado. 

    "Com foco em garantir a segurança das aeronaves, a Embraer está trabalhando meticulosamente para eliminar todas as possibilidades de restrições, minimizando o impacto das operações das aeronaves e resolver a situação o mais rápido possível", disse a empresa por meio de nota, segundo publicado pelo portal G1. 

    A Embraer está realizando fusão de sua área de aviação comercial com Boeing, processo que vem sofrendo atrasos. 

    Jato pode atingir 839 quilômetros por hora

    O Phenom 300, avaliado em US$ 9 milhões, é uma aeronave bimotor de pequeno porte, com capacidade entre sete a dez passageiros. Seu alcance de voo é de 3,6 mil quilômetros. O avião pode atingir a velocidade de 839 quilômetros por hora e uma altitude de 13.716 metros.

    O modelo, com prefixo PP-HUC, da empresa do apresentador Luciano Huck, foi usado para levar Lula de Curitiba a São Paulo na semana passada. Em 2015, um acidente com um Phenom 300 no sul da Inglaterra deixou quatro pessoas mortas, sendo três familiares de Osama Bin Laden.

    Mais:

    Será o Pentágono o próximo destino do KC-390 da Embraer?
    Trabalhadores da Embraer entram em greve
    Bombardier lança novo modelo de jato executivo para competir com a Embraer
    Tags:
    acidente, economia, recall, Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), aviação, Boeing, Embraer
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar