11:48 17 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Ouro

    Descubra que países procuram aumentar suas reservas de ouro

    CC BY 2.0 / Bullion Vault
    Economia
    URL curta
    2120
    Nos siga no

    O Conselho Mundial do Ouro (WGC, na sigla em inglês) informou que, nos três primeiros meses de 2019, a Rússia comprou 55,3 toneladas deste metal precioso, tendo atingido a reserva total de 2.168 toneladas.

    Por sua vez, a China ficou na segunda posição, com a aquisição de 33 toneladas de ouro no primeiro trimestre deste ano. Entretanto, a Rússia e a China não são os únicos países que aumentam suas reservas de ouro.

    A Sérvia e as Filipinas também decidiram aderir a esta corrida global ao ouro, em meio a ações no mesmo sentido por parte dos bancos centrais de muitos outros países.

    De acordo com o jornal Vecernje Novosti, a Sérvia aumentará suas reservas de 20 para 30 toneladas até ao final de 2019 e, no próximo ano, planeja aumentar as reservas para 50 toneladas como medida de segurança.

    Essa decisão teria sido tomada após o encontro do presidente sérvio Aleksandar Vucic com delegados do Fundo Monetário Internacional (FMI), no qual os representantes da instituição disseram que aprovariam a compra de ouro por Belgrado, se essa medida se enquadrar na estratégia de aumento das reservas cambiais do país.

    Segundo dados atuais do Banco Nacional da Sérvia, as reservas internacionais do país incluem aproximadamente 11 bilhões de euros.

    No caso das Filipinas, o Banco Central do país anunciou que foi aprovada uma lei que isenta as pequenas empresas mineradoras do imposto sobre o consumo e imposto de renda, se venderem ouro ao Banco Central, algo que visa aumentar as reservas internacionais do país e prevenir o contrabando de ouro.

    Segundo a agência Reuters, as pequenas mineradoras de ouro encontraram uma maneira de contornar os impostos introduzidos em 2011 vendendo ouro no mercado negro, enquanto, por lei, as empresas devem vender todo o metal precioso extraído ao Banco Central do país a preços do mercado mundial.

    As reservas de ouro das Filipinas têm se mantido em cerca de 198 toneladas tanto no primeiro trimestre de 2019 como no quarto trimestre de 2018.

    Para além da compra de 55,3 toneladas de ouro no primeiro trimestre de 2019, a Rússia reduziu ao mesmo tempo os títulos do tesouro dos EUA que possuía, no âmbito do seu plano de desdolarização.

    Mais:

    'Armadilha dourada': como Rússia e China estão dispostas a pôr fim à hegemonia do dólar
    'Mau sinal' para o mundo: por que razão Rússia compra tanto ouro?
    Tags:
    Filipinas, Rússia, Sérvia, Conselho Mundial de Ouro (WGC), reservas de ouro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar