01:05 13 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Bitcoin quebrada (imagem ilustrativa)

    Roubo do século? Hackers levam mais de US$ 40 milhões em bitcoins de corretora

    CC BY 2.0 / Marco Verch / Bitcoin broken in half
    Economia
    URL curta
    390
    Nos siga no

    A empresa Binance, uma das maiores corretoras de criptomoedas do mundo, informou nesta quarta-feira (8), que hackers roubaram US$ 40,7 milhões (R$ 160 milhões) em bitcoins de sua plataforma.

    De acordo com uma publicação no site da corretora, o presidente-executivo Zhao Changpeng comunicou que a empresa sofreu um prejuízo de 7 mil bitcoins, que foram roubadas de uma única carteira através de uma variedade de técnicas, "incluindo phishing, vírus e outros ataques".

    "Foi lamentável que não tenhamos conseguido bloquear este saque antes de ser executado. Uma vez executado, o saque acionou vários alarmes em nosso sistema. Interrompemos imediatamente todos os saques depois disso", lê-se no comunicado da empresa.

    Apenas a carteira de bitcoins foi afetada e, segundo a empresa, apenas 2% do total dessa criptomoeda saíram prejudicadas. Enquanto o restante dos fundos está aparentemente seguro.

    Para cobrir a perda, a Binance declarou que os fundos dos usuários serão protegidos por ativos de reserva, e que ninguém sairá no prejuízo.

    A Binance ressaltou que todos os depósitos e saques da bolsa permaneceriam suspensos enquanto a empresa realizava uma minuciosa revisão de segurança, que, segundo estimativas, levaria uma semana.

    Somente em 2018, US$ 950 milhões em moedas eletrônicas foram roubados de bolsas de criptomoedas e serviços de infraestrutura, como carteiras - um aumento de quase 260% em relação ao ano anterior, segundo pesquisa da CiptherTrace, empresa de segurança cibernética sediada nos EUA.

    Mais:

    Desenvolvida nova criptomoeda quase 10 mil vezes mais 'rápida' do que bitcoin
    Novo método de investir em bitcoin promete lucros, mas cuidado com armadilhas
    Nova criptomoeda do Irã pode desafiar bitcoin e ajudar Teerã a contornar sanções?
    Tags:
    criptomoeda, roubo, bitcoin
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar