14:25 19 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Notas

    Economistas indicam consequências do possível abandono do dólar pela Rússia

    © Sputnik / Vladimir Trefilov
    Economia
    URL curta
    12272

    O possível abandono do dólar como moeda de pagamento pode ter certas consequências para a economia russa, dizem os analistas e fazem as suas previsões.

    Economistas entrevistadas pelo jornal russo Izvestia acreditam que a desdolorização poderá afetar em primeiro lugar as grandes cidades, onde há mais dólares em circulação. Segundo estimativas, na Rússia estão acumulados 80 bilhões de dólares em cédulas. Porém, os riscos são muito menores quando se trata de pagamentos escriturais.

    Ao mesmo tempo, os analistas destacam que, para as pessoas, os riscos são apenas teóricos "devido à dificuldade e ao fato de a mudança na circulação do dólar poder ser pouco vantajosa".

    Os riscos para os depósitos são mínimos, assinalam os economistas, e advêm principalmente da parte americana, mas o Banco Central e o governo já estão tomando as medidas necessários nesse sentido.

    No entanto, sublinham os especialistas, a desdolorização no mercado internacional levará bastante tempo: com alguns dos parceiros estrangeiros a Rússia não conseguirá assinar novos contratos, com outros precisará de oferecer compensações pela volatilidade das taxas de câmbio.

    Os planos de abandono do dólar se devem antes de tudo às possíveis novas sanções contra Moscou, frisaram os economistas russos, e não "ao desejo de prejudicar a população".

    Anteriormente, várias mídias russas relataram que o governo do país estaria elaborando um projeto de desdolorização da economia, que em duas semanas seria aprovado pelo primeiro-ministro Dmitry Medvedev.

    Porém, a assessoria de imprensa do governo disse estar estudando a diminuição da dependência da economia russa do dólar, mas que não tem planos de abandonar a moeda americana por completo.

    Mais:

    Iniciada venda de petros na Venezuela: como é possível adquirir a criptomoeda?
    Será que nova crise financeira global começará em Pequim?
    Tags:
    desdolarização, dólar, consequências, nota, moeda, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik