21:59 20 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Prédio do Congresso norte-americano

    Washington congela ações da Rússia nos EUA no valor de centenas de milhões de dólares

    © Sputnik / Igor Mikhalev
    Economia
    URL curta
    14528

    Washington congela ações da Rússia nos EUA no valor de centenas de milhões de dólares, relata Departamento do Tesouro.

    Ativos russos nos EUA no valor de centenas de milhões de dólares foram bloqueados como parte das sanções por parte de Washington contra Moscou, informou a subsecretária do Tesouro, Sigal Mandelker, nesta terça-feira (21).

    "As ações do Tesouro dos EUA tiveram consequências significativas para os interesses financeiros dos indivíduos e empresas que foram afetados, incluindo o bloqueio de centenas de milhões de dólares de ativos russos nos Estados Unidos", disse Mandelker.

    A declaração foi publicada pouco antes de seu discurso no Congresso.

    Mandelker, que é responsável pelas sanções no Departamento do Tesouro, acrescentou que a "Rússia tem noção desses impactos".

    O investimento estrangeiro direto na Rússia caiu 5% desde 2013, com o investimento direto dos EUA caindo 80%, segundo o comunicado.

    Espera-se que Mandelker diga ao Congresso na terça-feira que, enquanto as "atividades malignas" da Rússia continuam, o "aventureirismo" de Moscou tem sido controlado pelo entendimento de que os EUA podem causar mais sofrimento econômico através de sanções adicionais.

    A administração de Trump sancionou 217 entidades e indivíduos relacionados à Rússia, incluindo a empresa de petróleo Surgutneftegaz e a empresa de energia EuroSibEnergo, desde janeiro de 2017. Os alvos incluem os chefes dos principais bancos estatais e empresas de energia e alguns associados próximos a Putin.

    "À medida que as empresas em todo o mundo trabalham para se distanciar dos russos sancionados, nossas ações estão impondo um nível sem precedentes de pressão financeira sobre aqueles que apoiam a agenda maligna do Kremlin e sobre setores-chave da economia russa", disse Mandelker.

    Moscou tem afirmado reiteradamente que a introdução de sanções por parte de Washington é contraproducente. O ministro das Relações Exteriores da Rússia as classifica como ilegítimas e inúteis.

    Mais:

    Como impostos da China e EUA afetarão economia global?
    'Não há diferença entre atacar nossa economia ou atacar nossa bandeira', diz Erdogan
    Especialista descreve como EUA protegem status de maior economia mundial
    Tags:
    bancos, empresas, ativos congelados, sanções, ações, Departamento do Tesouro dos EUA, Donald Trump, Vladimir Putin, Moscou, Washington, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik