15:40 24 Junho 2018
Ouvir Rádio
    Frango comercializado em um supermercado de Pequim, China (arquivo)

    China anuncia medidas contra o frango brasileiro

    © AP Photo / Mark Schiefelbein
    Economia
    URL curta
    125

    A China implementará medidas antidumping temporárias sobre as importações de frango do Brasil a partir de 9 de junho, conforme anunciou o Ministério do Comércio nesta sexta-feira, após determinar que a indústria doméstica sofreu danos substanciais.

    De acordo com a decisão das autoridades chinesas, citadas pela agência Reuters, os importadores que compram frango brasileiro deverão fazer depósitos que variam de 18,8% a 38,4% do valor. As medidas cobrem os produtos fornecidos pelos exportadores brasileiros JBS e BRF. 

    "Durante o período de investigação de danos, a quantidade de produtos importados e a participação de mercado do Brasil aumentaram continuamente, e os preços de produtos domésticos similares foram drasticamente reduzidos, causando sérios danos às indústrias domésticas", disse o Ministério do Comércio chinês, segundo o qual o Brasil respondeu por mais de 50% do fornecimento de produtos de frango para a China, o segundo maior consumidor mundial de aves, entre 2013 e 2016.

    No mês passado, a União Europeia impôs restrições à importação de frangos provenientes de 20 frigoríficos brasileiros, alegando razões sanitárias. No entanto, conversas relativas ao pagamento de uma "taxa de liberação" do produto levaram a suspeitas de possível decisão comercial e protecionista. Em razão dessa determinação, o país perdeu para a Tailândia o posto de maior exportador do produto para o bloco. 

    Mais:

    Exportadores de carne comemoram: Brasil está livre da febre aftosa com vacinação
    Tags:
    comércio, exportações, aves, carne, frango, BRF, JBS, Europa, Brasil, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik