06:35 18 Junho 2018
Ouvir Rádio
    Cédulas de dólar

    Em breve dólar perderá status de moeda número 1, diz investidor americano

    Marcello Casal Jr/Agência Brasil
    Economia
    URL curta
    Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo 2018 (18)
    5322

    O dólar americano está se tornando menos desejável para os investidores à medida que a dívida norte-americana continua crescendo e o dólar é impresso para cobri-la, disse o investidor americano Jim Rogers no Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo (SPIEF).

    "O dólar será maior do que agora porque a turbulência está chegando. Depois, será superestimado e as pessoas olharão em volta e dirão: ‘Os Estados Unidos têm a maior dívida da história do mundo. Está imprimindo dinheiro o mais rápido que pode'", ressaltou o investidor.

    A moeda americana perderá o status de principal moeda de reserva muito antes de 2030, declarou Rogers na sessão do clube de discussão Valdai, realizada como parte do SPIEF.

    As pessoas verão o que Brasil, Rússia, China, Índia, Irã e outros países em desenvolvimento estão fazendo, afirmou Rogers.

    Rogers continuou dizendo que organizações tais como o Fundo Monetário Internacional (FMI) e o Banco Mundial "nunca estiveram certos sobre nada" e deveriam ser abolidas, já que elas são politicamente dependentes dos Estados Unidos há décadas.

    "Eles estão formando uma moeda concorrente no momento", acrescentou. Assim, uma alternativa ao dólar virá de países que "foram mandados pelos EUA, e eles não gostam disso, mas têm poder suficiente para fazer algo a respeito".

    Falando separadamente para RT, o empresário destacou que sanções e guerras comerciais são as maiores ameaças à estabilidade econômica mundial. "O mundo aprendeu ao longo da história que o fechamento [de mercados] não é bom, a abertura [de mercados] é boa", disse Rogers.

    Tema:
    Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo 2018 (18)

    Mais:

    Irã se despede do dólar como moeda de referência
    Abril pode se tornar mês difícil para dólar
    Concorrente do dólar? Analista avalia decisão da Rússia de aceitar pagamentos em petro
    Surpresa chinesa: a que se deve forte crescimento do yuan ante o dólar americano?
    Fenaj: 'Ucrânia não pode usar intimidação à imprensa como moeda política'
    Tags:
    dólar, países em desenvolvimento, desvalorização, status, moeda, investidores, dívida, queda, dinheiro, Fórum Econômico de São Petersburgo, Fundo Monetário Internacional, Banco Mundial, Estados Unidos, Irã, Índia, China, EUA, Rússia, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik