14:10 23 Maio 2018
Ouvir Rádio
    Bitcoin, criptomoeda

    Bitcoin está em coma: o que acontecerá com valor da criptomoeda no futuro próximo?

    © Sputnik / Vladimir Astapkovich
    Economia
    URL curta
    0 41

    O preço do bitcoin se manteve estável em abril. Entretanto, muitos especialistas opinam que a criptomoeda mais popular do mundo está em coma.

    Veronika Dneprovskaya, analista da corretora russa Alpari, falou com a Sputnik França sobre as perspectivas de crescimento do preço da moeda digital.

    Ela lembrou que em 17 de dezembro de 2017 o preço do bitcooin atingiu seu recorde histórico de 20.000 dólares (R$ 72.000). Depois disso, o mundo assistiu a uma correção profunda da moeda. Em menos de dois meses, em 6 fevereiro de 2018, o preço do líder do mercado de criptomoedas caiu para 6.000 dólares (cerca de R$ 21.600). 

    "Segundo nossa opinião, o preço atual do bitcoin é determinado por tais fatores como a implementação de legislação mundial no âmbito digital, a demanda e a oferta e a dificuldade do processo de mineração [de criptomoedas]. É provável que o valor do bitcoin aumente em 2018. O crescimento estará relacionado com a introdução da regulamentação relativa a ativos digitais a nível internacional, o que aumentará a confiança dos investidores nas criptomoedas em geral", explicou a analista.

    De acordo com Dneprovskaya, a confiança por parte dos investidores contribuiu para o aumento da demanda de “ouro digital”. Tendo em consideração a oferta limitada de bitcoins (Atualmente foram minerados 17 milhões de bitcoins dos 21 milhões) e aumento da dificuldade do processo de mineração (a emissão de novos bitcoins pode ser realizada apenas através da solução de problemas matemáticos pelos mineradores e essa dificuldade está crescendo), é de esperar o crescimento do valor da criptomoeda.

    Quanto às outras criptomoedas, seu código é baseado no do bitcoin e, por isso, seu valor seguirá a mesma tendência que o preço do bitcoin.

    Mais:

    Sem consenso no Congresso, bitcoin seguirá sem regulação no Brasil, diz presidente do BC
    Agora são pagas em bitcoin: dinheiro na calcinha de strippers é coisa do passado?
    Tags:
    oferta, demanda, economia, finanças, bitcoin
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik