10:49 13 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Em outubro de 2017, foram registradas 1.187.819 admissões e 1.111.220 demissões no Brasil

    Outubro tem melhor índice de criação de emprego em 4 anos no Brasil

    Rafael Neddermeyer / Fotos Públicas
    Economia
    URL curta
    1626
    Nos siga no

    Outubro teve o melhor resultado mensal de 2017 no que diz respeito à criação de vagas de trabalho formal no Brasil, com um saldo de 76.599. De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), também foi a primeira vez que as contratações superaram as demissões no décimo mês do ano desde 2013, quando o saldo foi de 94,8 mil.

    Em nota divulgada nesta segunda-feira, o Ministério do Trabalho informou que o saldo de outubro representa um crescimento de 0,20% em relação ao estoque de empregos celetistas do mês anterior. No acumulado de janeiro a setembro, a alta é de 0,79% sobre o estoque de dezembro de 2016.

    Apesar do crescimento, o número de demissões registradas no mês passado foi alto, 1.111.220, contra 1.187.819 admissões. Para o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, no entanto, esses números mostram "que as medidas adotadas pelo governo colocaram o Brasil de volta nos trilhos do crescimento econômico".

    Segundo o ministério, o crescimento do mercado formal em outubro foi puxado pelos setores do Comércio, Indústria da Transformação e Serviços, que tiveram, respectivamente, saldo de 37.321, 33.200 e 15.915 novos postos em relação ao mês anterior.

    "São setores que já vinham registrando números positivos. O crescimento destacado do Comércio já reflete, também, o otimismo e o aumento da produção da Indústria verificados em meses anteriores", disse Nogueira.

    Mais:

    Reforma Trabalhista entra em vigor neste sábado e já desafia até a Justiça
    'Reforma trabalhista não vai gerar emprego e vai precarizar condições de trabalho'
    'Reforma vai empobrecer trabalhador, beneficiar capital e aumentar subemprego'
    Tags:
    vagas, economia, trabalho, emprego, Ministério do Trabalho, Ronaldo Nogueira, Brasília, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar