21:35 22 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    161125
    Nos siga no

    A nota da Marinha dos EUA afirma que os mísseis foram lançados do mar e que o teste não foi conduzido em resposta a nenhum evento mundial em andamento, nem como demonstração de poder.

    A Marinha dos EUA conduziu na sexta-feira (17) um teste de dois mísseis Trident II (D5LE) desarmados com vida útil prolongada a partir do USS Wyoming (SSBN-742), um submarino de mísseis balísticos de classe de Ohio, na costa do Cabo Canaveral, Flórida, EUA.

    USS Wyoming testa com sucesso os mísseis Trident II D5LE sobre o oceano Atlântico, em 17 de setembro. Esses testes enfatizam nossa prontidão e capacidade para a dissuasão estratégica do século XXI.

    O teste fez parte de uma Operação de Demonstração e Reparo (DASO, na sigla em inglês). O objetivo principal do DASO é avaliar e demonstrar a prontidão do Sistema de Armas Estratégicas (SWS, na sigla em inglês) e da tripulação do submarino antes da implantação operacional. Este lançamento marca o 184º voo de teste de mísseis bem-sucedidos do SWS Trident II (D5 & D5LE).

    "O teste DASO e outros como esses ressaltam nossa prontidão e capacidade para a dissuasão estratégica do século XXI", afirmou em comunicado o contra-almirante Thomas E. Ishee, diretor de operações globais do Comando do Indo-Pacífico e do Comando Estratégico (USSTRATCOM, na sigla em inglês).

    Ishee acrescenta que "as tripulações passam por treinamento constante e testes planejados regularmente para garantir que os sistemas de armas permaneçam prontos e confiáveis. Os marinheiros e elementos de apoio que compõem o serviço silencioso provam todos os dias que são capazes e preparados para proteger a América e seus aliados".

    A nota da Marinha norte-americana afirma que os mísseis foram lançados do mar e voaram e caíram no mar, de forma que em nenhum momento os mísseis sobrevoaram terra. Segundo projeção publicada no Twitter, os mísseis passariam entre o Brasil e o continente africano.

    Um aviso de navegação acabou de aparecer, apontando para um lançamento de teste Trident-II D5 de um SSBN [submarino nuclear lançador de mísseis balísticos] no [oceano] Atlântico entre 17 e 20 de setembro. O alcance indicado é da ordem de 9.900 km. A trajetória balística simples não é 100% compatível.​

    "O teste do míssil não foi conduzido em resposta a nenhum evento mundial em andamento, nem como uma demonstração de poder [...]. Uma dissuasão nuclear confiável e eficaz é essencial para nossa segurança nacional e a segurança dos aliados dos EUA. A dissuasão continua sendo a pedra angular da política de segurança nacional no século XXI", lê-se no comunicado.

    Mais:

    Coreia do Sul testa 1º míssil balístico lançado de submarino, segundo mídia local
    Submarino nuclear russo conduz lançamento de míssil de cruzeiro durante exercício no Ártico (VÍDEO)
    Míssil hipersônico que custa a sair
    Força Aeroespacial da Rússia lança novo míssil antibalístico (VÍDEO)
    Tags:
    Trident, Trident II D-5, submarino, submarino, Marinha dos EUA, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar