21:11 23 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    10931
    Nos siga no

    O acordo entre Washington e Kiev tem como objetivo não só a cooperação conjunta no mar Negro, mas também no campo da cibersegurança e no compartilhar de informação, segundo Lloyd Austin, secretário de Defesa dos EUA.

    O novo pacote de assistência de US$ 60 milhões (aproximadamente R$ 311 milhões) para a Ucrânia inclui mísseis Javelin antitanque portáteis, afirmou Austin, nesta terça-feira (31).

    "Como você sabe, o presidente Biden aprovou um novo pacote de assistência de segurança de US$ 60 milhões, incluindo sistemas Javelin antitanque, entre outros, para permitir que a Ucrânia se defenda melhor contra a agressão russa", disse o secretário de Defesa norte-americano ao presidente ucraniano Vladimir Zelensky, dando-lhe as boas-vindas ao Pentágono.

    "O acordo de defesa estratégica EUA-Ucrânia, que o ministro da Defesa [ucraniano Andrei] Taran e eu assinaremos hoje, reforça nossa cooperação e avança nossas prioridades comuns, tais como assegurar que nossa cooperação bilateral de segurança continue a ajudar a Ucrânia a combater a agressão russa, implementar reformas na indústria de defesa que apoiem as aspirações de adesão da Ucrânia à OTAN, [bem como] aprofundar nossa cooperação em áreas como a segurança do mar Negro, cibersegurança e compartilhamento de informações", explicou Lloyd Austin.

    Na sexta-feira passada (27), o presidente dos EUA ordenou ao secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, que alocasse a quantia referida, vinda dos fundos do Pentágono, para ajudar a Ucrânia, incluindo bens e serviços de defesa.

    Desde 2014, Washington já forneceu cerca de US$ 2,5 bilhões (R$ 13 bilhões) em ajuda militar a Kiev, incluindo armas letais.

    Mais:

    Rússia pede aos EUA que 'mostrem transparência' após exercícios com Ucrânia no mar Negro
    Em visita a Kiev, Blinken reforça apoio à Ucrânia e ressalta que EUA estão atentos à Rússia
    Rússia apresenta sua 1ª demanda interestatal na Corte Europeia de Direitos Humanos contra Ucrânia
    Tags:
    EUA, Ucrânia, mar Negro, cooperação, estratégia, Defesa, acordo, cibersegurança, compartilhamento, informações
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar