15:13 23 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    7823
    Nos siga no

    O país norte-americano lançou na noite de quarta-feira (11) um míssil balístico intercontinental, com o objetivo de testar o "sistema de dissuasão nuclear".

    A Base da Força Espacial de Vanderberg, na Califórnia, EUA, foi na quarta-feira (11) palco de um lançamento de míssil balístico intercontinental Minuteman III, anunciou a Força Espacial do país norte-americano.

    Pilotos do 576º Esquadrão de Testes trabalharam com nossos parceiros de missão na [equipe] Space Launch Delta 30 para conduzir um lançamento operacional de teste do Minuteman III. Estes testes fornecem dados de prontidão e asseguram aos aliados de nossa nação que nosso sistema de dissuasão nuclear é seguro, confiável e eficaz.

    O teste foi conduzido às 00h53, horário local (02h53, horário de Brasília), com o objetivo de "validar e verificar a segurança, proteção, eficácia e prontidão do sistema de armas" da energia nuclear norte-americana.

    "Este lançamento envolveu um veículo de reentrada do Hi Fidelity Joint Test Assembly, que detonou explosivos convencionais (ou seja, não nucleares) antes de atingir a superfície da água, aproximadamente 4.200 milhas [6.760 km] abaixo do alcance de Kwajalein Atoll nas Ilhas Marshall", disse a Força Aérea dos EUA em um comunicado à imprensa.

    "Estes lançamentos de testes verificam a precisão e confiabilidade do sistema intercontinental de mísseis balísticos, fornecendo dados valiosos para garantir uma dissuasão nuclear, segura e eficaz", disse o coronel Robert Long, que comandou o lançamento.

    Em maio houve um lançamento de míssil balístico intercontinental semelhante, que não correu como planejado. Em junho, ficou conhecido que Washington está desenvolvendo um novo míssil balístico estratégico GBSD, a ser testado até o final de 2023. Como parte do programa de modernização da tríade nuclear, os militares norte-americanos também estão projetando o bombardeiro estratégico de sexta geração, o B-21 Raider, bem como o submarino estratégico do projeto SSBN (X).

    Mais:

    EUA planejam investir US$ 61 bilhões para substituir mísseis intercontinentais Minuteman
    Novos mísseis nucleares dos EUA são lucrativos apenas para indústria e políticos, diz relatório
    Mísseis balísticos intercontinentais Minuteman III estão obsoletos, aponta chefe do STRATCOM dos EUA
    Tags:
    EUA, Força Aérea, Força Aérea dos EUA, força espacial, Califórnia, Minuteman III, Twitter, Ilhas Marshall
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar