18:42 02 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    0 016
    Nos siga no

    O novo pod de interferência eletrônica da Marinha dos EUA, Next Generation Jammer Mid-Band (NGJ-MB), atingiu o Milestone C no dia 28 de junho.

    De acordo com a Raytheon Intelligence & Space, o novo pod foi aprovado pelo secretário assistente interino da Marinha para Pesquisa, Desenvolvimento e Aquisição, Frederick J. Stefany, dando sinal verde para sua produção e implantação.

    "Estamos bem avançados em testes de desenvolvimento [...] É hora de avançar para a produção", afirmou Annabel Flores, vice-presidente de Sistemas de Guerra Eletrônica da Raytheon.

    A próxima geração do NGJ-MB é destinada a ataques eletrônicos e abordará ameaças avançadas e emergentes através das últimas tecnologias digitais, baseadas em softwares de Varredura Eletrônica Ativa (AESA).

    Avião de guerra eletrônica EA-18G Growler
    © Foto / Marinha dos EUA / Steve Wolff
    Avião de guerra eletrônica EA-18G Growler

    O novo equipamento será integrado ao EA-18G Growler, uma aeronave de guerra eletrônica baseada no F/A-18F Super Hornet.

    "Estamos prontos para fornecer à Marinha e a nossos aliados australianos um salto em frente rumo à superioridade no espectro eletromagnético de que precisam", precisou Annabel Flores.

    O sistema passou por mais de 145 horas de testes de voo de desenvolvimento, utilizando sistemas de missão e pods aeromecânicos.

    Mais:

    Marinha dos EUA conduz 1º teste de fogo real de motor de míssil hipersônico (FOTO)
    Marinha dos EUA precisa de investimentos para avançar após série de problemas, afirmam analistas
    Redução de custos: Marinha dos EUA deixa de usar 4 navios devido a problemas de manutenção
    Tags:
    guerra eletrônica, Marinha dos EUA, avião de assalto, avião de combate, avião de ataque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar