12:47 05 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    0 68
    Nos siga no

    Nesta segunda-feira (28), o primeiro teste do míssil balístico de nova geração com capacidade nuclear, Agni Prime, foi conduzido do complexo de lançamento IV da ilha de Abdul Kalam.

    Fontes da Defesa, citadas pelo The New Indian Express, afirmaram que o míssil desenvolvido pela Organização de Pesquisa e Desenvolvimento da Defesa (DRDO, na sigla em inglês) da Índia atingiu com sucesso todos os objetivos da missão.

    ​A Índia conduziu hoje com sucesso o teste de fogo do míssil Agni Prime, ao largo da costa de Odisha. Todos os aplausos vão para a DRDO da Índia. Parabéns a todos.

    "Diversas telemetrias e estações de radar posicionadas ao longo da costa leste rastrearam e monitoraram o míssil. O míssil seguiu a trajetória descrita, cumprindo todos os objetivos da missão com alto nível de precisão", declarou a DRDO.

    O míssil Agni P é a versão mais nova e mais avançada da classe Agni, sendo um projétil com capacidade de alcance entre 1.000 e 2.000 quilômetros.

    ​Agni Prime foi testado com sucesso.

    O novo míssil Agni foi desenvolvido com tecnologias inovadoras usadas nos mísseis Agni IV, de 4.000 quilômetros de alcance, e no Agni V, de 5.000 quilômetros.

    O primeiro míssil da série Agni, com um alcance de 700 a 900 quilômetros, foi testado em maio de 1989, sendo implantado no Exército em 2004.

    Mais:

    Índia encomenda 12 navios-patrulha para 'combater' China em Ladakh
    China realiza exercícios militares no principal ponto de atrito com Índia em Ladakh (FOTO, VÍDEO)
    Índia acusa China de usar 'armas pouco ortodoxas' durante conflitos em Ladakh
    Tags:
    Índia, teste, testes, míssil, equipamento militar, míssil balístico
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar