00:42 19 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    5445
    Nos siga no

    A aeronave espacial não tripulada dos EUA X-37B, também chamada de veículo de prova orbital, poderia realizar um ataque nuclear à Rússia em apenas um cenário "inverossímil", escreve Popular Mechanics.

    De acordo com o autor do artigo, Kyle Mizokami, existe apenas uma única modificação do X-37B, e atualmente ele não tem capacidade de transportar armas nucleares. No entanto, isso já seria possível com a instalação a bordo do veículo de uma ogiva termonuclear W80.

    Mizokami sugere que uma única aeronave espacial poderia transportar no máximo três munições deste tipo.

    "A única maneira de um bombardeiro XB-37B poder fazer o menor sentido seria se ele fizesse uma rota orbital que lhe permitisse se aproximar da Rússia de uma direção onde os sistemas de alerta precoce não pudessem detectá-lo", sugere Mizokami.

    O artigo aponta que a aeronave orbital X-37B poderia se aproximar da Rússia a partir do Hemisfério Sul incapacitando os radares de alerta precoce direcionados para o norte e permitir aos bombardeiros, submarinos e mísseis de baseamento terrestre lançar um ataque nuclear mais massivo. Porém, o autor aponta que o veículo orbital não seria capaz de permanecer visualmente indetectável.

    Militares russos se preparam para lançar novo míssil interceptador no polígono de Sary Shagan
    © Sputnik / Ministério da Defesa da Federação da Rússia
    Militares russos se preparam para lançar novo míssil interceptador no polígono de Sary Shagan
    "Os russos detectariam com bastante antecedência a espaçonave se aproximando. Lá se vai o efeito surpresa. Não há nenhuma maneira viável de os EUA poderem realizar um ataque nuclear surpresa contra a Rússia e sair impunes, nem existe nenhuma maneira de um hipotético avião espacial com armamento nuclear tornar tal ataque mais possível", ressalta.

    Por fim, Mizokami conclui que a nave espacial X-37B não tem valor estratégico real.

    Na semana passada Yan Novikov, o diretor-geral da empresa russa Almaz-Antei, disse que as naves espaciais X-37 podem transportar até seis ogivas nucleares, mas ele acrescentou que a Rússia é capaz de enfrentar quaisquer armas aeroespaciais existentes.

    Mais:

    Suposto VÍDEO animado do IRGC iraniano mostra míssil lançado em usina nuclear israelense
    Escudo antimíssil: NI descreve capacidade de proteção de Moscou em caso de guerra nuclear
    Irã apresenta novo drone Gaza com alcance operacional de 2.000 km (FOTOS, VÍDEO)
    Tags:
    EUA, radares, veículo espacial, X-37B, Rússia, ogiva nuclear, ataque nuclear
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar