15:25 17 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    152
    Nos siga no

    A Indústrias Aeroespaciais da Coreia (KAI, na sigla em inglês) e Indústrias Aeroespaciais de Israel (IAI) firmaram um memorando de entendimento e colaboração a fim de emparelhar helicópteros com drones kamikaze.

    Vale destacar que a cooperação estará focada no desenvolvimento de sistemas não tripulados para voarem em conjunto com o helicóptero leve da Coreia do Sul, que deve entrar em serviço em 2023.

    "O sistema autônomo vai permitir aos pilotos se aproximarem e lançarem drones armados, que vão realizar disparos ou bombardear alvos inimigos sem colocar os pilotos em risco", afirmou Han Jeong-eun, representante da KAI, citado pelo portal Defense News.

    O acordo foi celebrado por Boaz Levy, vice-presidente do consórcio Indústrias Aeroespaciais de Israel, afirmando que o memorando é um marco e "criará possibilidades para uma solução aprimorada no futuro campo de batalha", já que expandirá suas capacidades, combinando a tecnologia do sistema KAI e recursos do sistema aéreo não tripulado da IAI.

    As tecnologias de agrupamento tripulado/não tripulado (MUM-T, na sigla em inglês) permitirão que os tripulantes do helicóptero controlem drones, como o Harop, um drone que se transforma em munição, a partir do helicóptero.

    Mais:

    OTAN considera sistema russo Pantsir-S1 armamento 'perfeito' contra drones militares
    Empresa israelense revela características de seus novos drones apresentados na IDEX 2021 (FOTO)
    Forças Armadas da Rússia receberão sistema de radar para detectar drones 'silenciosos'
    Tags:
    veículo aéreo não tripulado, veículo autônomo, drones, drone, acordos, acordo, Coreia do Sul, Israel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar