14:12 24 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    0 914
    Nos siga no

    O caça de sexta geração da Força Aérea dos EUA deve surgir no próximo ano, e o portal Popular Mechanics revelou alguns detalhes da misteriosa aeronave.

    Buscando uma maneira de reduzir os custos e cumprir o cronograma no desenvolvimento de seus equipamentos militares, a indústria de defesa dos EUA parece ter encontrado a melhor forma para alcançar objetivo.

    De acordo com o portal Popular Mechanics, os EUA estão utilizando engenharia digital, uma nova tecnologia comercial para alavancar o desenvolvimento de seus equipamentos militares a baixo custo, e todas as criações com utilização de engenharia digital leva "e" no começo da nomenclatura.

    Curiosamente, esta é a mesma tecnologia utilizada na Fórmula 1, onde não há mais protótipos físicos, ou seja, todos os carros são criados e testados digitalmente através de teste de dados.

    Recentemente, a Força Aérea e a Força Espacial dos EUA criaram uma designação e-Série para aeronaves, satélites e munições projetadas digitalmente.

    Caça F-35 da Força Aérea de Israel voa durante demonstração aérea sobre a base aérea Hatzerim, no sul de Israel, 27 de dezembro de 2017
    © REUTERS / Amir Cohen
    Caça F-35 da Força Aérea de Israel voa durante demonstração aérea sobre a base aérea Hatzerim, no sul de Israel, 27 de dezembro de 2017

    Com isso, os engenheiros digitais podem capturar virtualmente processos físicos e, assim, aprender, aperfeiçoar ou até mesmo automatizar estes processos e estruturas, fazendo com que os valiosos testes e erros possam ocorrer através do computador, sem os elevados custos.

    Usando engenharia digital, a Força Aérea dos EUA já teria projetado, construído e realizado o voo de um protótipo do caça de sexta geração, que envolverá tecnologias de combate inovadoras e apoio de equipe com drones.

    Além disso, a engenharia digital é capaz de criar com sucesso uma produção virtual, construindo centenas de e-caças digitalmente para aperfeiçoar a montagem física.

    Apesar dos grandes desafios que ainda estão por vir, por se tratar de uma nova tecnologia, os EUA acreditam e apostam no mundo digital para elevar suas capacidades militares e fazer frente a adversários.

    Mais:

    Senadores dos EUA introduzem legislação para impedir venda de drones e caças F-35 para os EAU
    Caso Grécia compre caças F-35, Turquia usaria contra eles S-400, segundo especialista
    Após Suíça receber oferta de caças Eurofighter, EUA dizem que seus F-35 seriam 'melhor solução'
    Tags:
    equipamento militar, eua, avião de assalto, avião de combate, avião de ataque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar