23:10 13 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    563
    Nos siga no

    Os serviços de emergência seguem na busca por piloto do caça F-16, que caiu na Península Superior de Michigan, durante uma missão de treinamento na note desta terça-feira (8).

    Na manhã desta quarta-feira (9), a Guarda Aérea Nacional de Wisconsin, nos EUA, afirmou que um caça F-16 Falcon da 115ª Asa de Caça no campo Truax, da Base da Guarda Aérea Nacional, em Madison, caiu durante a noite de terça-feira.

    "No momento do incidente, a aeronave estava em uma missão de treinamento de rotina com um piloto a bordo [...] As equipes de resgate estão no local. A causa do acidente, bem como o estado de saúde do piloto são desconhecidos, o incidente está sendo investigado", declarou a Guarda Aérea Nacional de Wisconsin.

    Apesar de ter sido construído para a Força Aérea norte-americana, o F-16 segue sendo amplamente utilizado por diferentes grupos militares, incluindo a Guarda Aérea Nacional.

    F-16 está em serviço com Bahrein, Bélgica, Singapura, Chile, Coreia do Sul, Dinamarca, Egito, Emirados Árabes Unidos, Estados Unidos, Grécia, Países Baixos, Israel, Indonésia, Iraque, Jordânia, Marrocos, Noruega, Omã, Paquistão, Polônia, Portugal, Romênia, Tailândia, Turquia, Taiwan e Venezuela. A Itália também operou o F-16 entre 2001 e 2012, enquanto esperava a chegada dos seus caças Eurofighter Typhoon.

    Mais:

    General da Força Aérea dos EUA apela à implantação de armas hipersônicas no Pacífico
    Surge FOTO de ultrassecreto 'drone furtivo de alta altitude' da Força Aérea dos EUA
    Força Aérea dos EUA planeja equipar caças com 'raios da morte' para derrubar mísseis, revela mídia
    Tags:
    acidente aéreo, acidente, EUA, avião de assalto, avião de combate, avião de ataque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar