05:12 30 Julho 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    5100
    Nos siga no

    Dois pilotos tiveram que se ejetar de um caça F/A-18 Super Hornet no momento em que estavam decolando com outros sete caças na base aérea de Amberley, em Queensland.

    Testemunhas afirmaram ao 9News, que o caça F/A-18 Super Hornet estava decolando com outras sete aeronaves quando teria apresentado falha no motor.

    "A Defesa confirma que um incidente envolvendo uma aeronave da Força Aérea ocorreu na Base de Amberley da RAAF [Força Aérea Australiana]", declarou o porta-voz da Defesa.

    Ambos pilotos conseguiram se ejetar com sucesso e a aeronave foi parar no gramado ao lado da pista de decolagem.

    "A tripulação da aeronave está segura e nenhum outro pessoal foi envolvido no incidente [...] A prioridade da Defesa é a segurança do pessoal na Base de Amberley da RAAF", ressaltou.

    Imagens divulgadas pela emissora australiana mostram os dois pilotos regressando com seus paraquedas, enquanto a aeronave permanece no solo com a cabine aberta, além de apresentar aparentes danos em torno da parte frontal.

    A causa do incidente ainda é desconhecida e uma investigação será iniciada para apurar os fatos envolvidos.

    Mais:

    Governo alemão se divide sobre compra de caças norte-americanos F-18 com capacidade nuclear
    Escândalo dos caças F-35 da Dinamarca lança sombra sobre EUA, segundo mídia
    Drone civil se aproxima perigosamente de caças F/A-18 dos EUA (VÍDEO)
    Tags:
    Austrália, incidente aéreo, incidente, acidente aéreo, acidente, Força Aérea, avião de assalto, avião de combate, avião de ataque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar