09:06 02 Março 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    41016
    Nos siga no

    A aeronave sofreu falhas durante um exercício de treinamento com fogo real e estava retornando à base para conserto.

    O Reino Unido abriu uma investigação depois que um helicóptero de ataque AH-64 Apache do Exército britânico abriu fogo por engano em uma base militar em Suffolk.

    O helicóptero apresentou falhas de funcionamento durante um exercício de treinamento com fogo real um dia antes, o que fez com que a aeronave regressasse ao campo de treinamento de Sculthorpe, em Norfolk.

    Posteriormente, os pilotos retornaram à base em Wattisham, Suffolk, onde o equipamento deveria ser reparado.

    Helicóptero AH-64 Apache.
    © Foto
    Helicóptero AH-64 Apache

    Os especialistas em reparo de armamento estavam trabalhando com o canhão de 30 milímetros quando o mesmo abriu fogo próximo de uma área habitada.

    "Estamos cientes do incidente na estação de voo de Wattisham, que está sendo investigado", afirmou um porta-voz do Exército, citado pelo tabloide The Sun. 

    As autoridades militares informaram que não houve danos ou feridos durante o episódio.

    Os investigadores estão interrogando as tropas para entender o motivo de o helicóptero estar sobrevoando uma área urbanizada com o canhão carregado.

    Mais:

    Helicóptero azeri é atingido e cai no vizinho Irã, diz Ministério da Defesa de Nagorno-Karabakh
    Rússia inicia produção em série dos modernizados helicópteros Mi-28NM
    Helicóptero não tripulado chinês completa com sucesso voo a altitude elevada (VÍDEO)
    Tags:
    Reino Unido, base militar, Exército, aeronaves, aeronave, helicópteros, helicóptero
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar