18:34 24 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    1262
    Nos siga no

    A China apresentou seu novo drone de ataque Wing Loong-10 no Nanchang Airshow 2020, que começou no sábado (1º).

    O drone será usado para missões de vigilância e reconhecimento aéreo. Além disso, ele é capaz de carregar armas ar-terra. Este tipo avião não tripulado tem sido usado pelas forças da coligação saudita no Iêmen e pelo Governo do Acordo Nacional (GNA) na Líbia.

    O equipamento pode transportar 200 quilos de armas e equipamentos de reconhecimento, possuindo um alcance de 4.000 quilômetros e podendo permanecer no ar por 20 horas.

    ​Imagens do drone de ataque ao solo Wing Loong-10 no show aéreo Nanchang 2020.

    A aeronave, que segundo a mídia chinesa custa cerca de US$ 57 mil (R$ 327 mil), pode ser equipada com uma variedade de sensores, incluindo uma torre de infravermelhos e radar de abertura sintética, conforme o portal Defense World.

    De entre as munições, o Wing Loong pode transportar o míssil ar-terra BA-7, a bomba guiada a laser YZ-212, a bomba antipessoal YZ-102A e a minibomba guiada LS-6 de 50 quilos.

    Mais:

    Guarda Costeira dos EUA busca expandir sua presença no Pacífico para conter atividades da China
    Coreia do Norte adverte cidadãos que tempestade de 'pó amarelo' da China pode trazer coronavírus
    Alta demanda da China alavancou setor agropecuário do Brasil, avalia economista
    Tags:
    equipamento militar, veículo aéreo não tripulado, drone, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar