14:11 02 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    0 160
    Nos siga no

    O Irã reforçou a defesa antiaérea no noroeste do país em meio à escalada do conflito em Nagorno-Karabakh, informou terça-feira (27) a agência de notícias Tasnim, citando o comandante do Exército.

    De acordo com o major-general Abdolrahim Mousavi, o Irã pode deslocar outras forças para a região de fronteira, caso haja necessidade.

    A movimentação ocorre em meio a bombardeios na zona vizinha de Nagorno-Karabakh, com alguns projéteis caindo em território iraniano.

    Teerã confirmou que diversos drones caíram em seu território e alertou a Armênia e o Azerbaijão contra os bombardeios.

    O Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica (IRGC, na sigla em inglês) já enviou uma unidade de infantaria motorizada ao noroeste do país.

    Nesta segunda-feira (26), o general Hossein Salami, chefe do Corpo de Guardiões, visitou o norte do condado de Khoda Afarin, que faz fronteira com a Armênia e o Azerbaijão, pedindo para que a defesa da região fosse reforçada.

    A região tem sido afetada pela escalada de tensões. Não obstante os três recentes cessar-fogo humanitários, estes foram violados poucas horas após entrarem em vigor.

    Mais:

    Após fim de embargo, Irã pretende vender mais armas do que importar, diz ministro da Defesa
    Irã anuncia cancelamento de todas as restrições ao fornecimento e venda de armas pelo país
    Irã possui plano B para resistir a sanções dos EUA
    Tags:
    sistema de defesa aérea, sistema de defesa, guerra, conflito, Nagorno-Karabakh, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar