04:20 20 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    3200
    Nos siga no

    A Embraer informou nesta quarta-feira (14) que entregou seis aeronaves A-29 Super Tucano à Força Aérea das Filipinas.

    A entrega das aeronaves faz parte de uma encomenda realizada pelas Filipinas em novembro de 2017, após um abrangente processo de licitação pública.

    De acordo com a Embraer, todas as aeronaves serão utilizadas para apoio tático, ataque leve, vigilância, interceptações aéreas, missões de contrainsurgência e treinamento avançado.

    "A Força Aérea das Filipinas [PAF, na sigla em inglês] se orgulha em receber os seis A-29 Super Tucano da Embraer Defesa & Segurança no azul de nossos céus como parte de nossa frota. A aquisição dessas aeronaves de apoio aéreo é um grande salto em nossa capacidade de poder aéreo, à medida que voamos juntos para termos uma Força Aérea mais capaz e confiável para a nação e seu povo", afirmou o tenente-brigadeiro Allen T. Paredes, comandante-geral da Força Aérea das Filipinas.

    Por sua vez, o presidente e CEO da Embraer Defesa & Segurança, Jackson Schneider, ressaltou que a entrega das aeronaves em meio a uma pandemia global é desafiadora.

    "Entregar uma aeronave em meio a uma pandemia global é desafiador, mas estávamos comprometidos a ir mais longe a cada etapa do caminho para entregá-la à PAF para cumprir suas missões de segurança", afirmou.

    O avião A-29 Super Tucano, fabricado pela Embraer, é uma aeronave de ataque leve e treinamento avançado, sendo vendido para ao menos 15 países.

    O Super Tucano é uma variante maior e mais potente de um dos mais bem-sucedidos aviões de treinamento do mundo, o EMB-312A Tucano da Embraer. Aeronave robusta, barata, de operação simples, fácil manutenção e muito funcional, esta é a melhor forma de definir o EMB-314 Super Tucano.

    Mais:

    Após fracasso com a Boeing, Embraer entra no radar de China, Índia e Rússia, dizem fontes
    Embraer x Bombardier: guerra de gigantes por um mercado de U$ 300 bilhões
    Embraer tem prejuízo milionário no 1º trimestre de 2020 devido à pandemia da COVID-19
    Tags:
    Força Aérea, Filipinas, Embraer, avião de combate, avião militar, avião
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar