15:57 27 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    5512
    Nos siga no

    O Pentágono teria direcionado a maior parte da verba dos contribuintes a seus fornecedores de armas, segundo mídia.

    A maior parte dos fundos para "prevenir e combater" a pandemia do coronavírus foi redirecionada aos fornecedores da Defesa para pagar por suprimentos militares, tais como partes de motores a reação, coletes à prova de balas, uniformes de gala e outras necessidades, informa o jornal The Washington Post.

    O dinheiro dos contribuintes foi designado ao Pentágono de acordo com a Lei da Ajuda, Alívio e Segurança Econômica pelo Coronavírus, que foi aprovada pelo presidente norte-americano Donald Trump em março.

    O Comitê de Apropriações da Câmara de Representantes, liderado pelos democratas, indicou no relatório de Defesa para 2021 que o gasto do Departamento de Defesa não foi distribuído como deveria.

    "A expectativa do Comitê era que o departamento abordasse a necessidade de capacidade industrial de PPE [equipamentos de proteção pessoal] no lugar de usar os fundos para a DIB [base industrial de Defesa]", escreveu o Comitê, que pediu que uma investigação fosse iniciada para apurar os fatos.

    A subsecretária de Defesa para Aquisições e Manutenção, Ellen Lord, defendeu o redirecionamento dos fundos em um comunicado ao The Washington Post.

    "Devemos recordar sempre que a segurança econômica e a segurança nacional estão estritamente inter-relacionadas e que nossa base industrial é realmente a ligação entre as duas", comunicou.

    Donald Trump assina documentos na Casa Branca
    © AP Photo / Susan Walsh
    Donald Trump assina documentos na Casa Branca

    Por sua vez, Jessica Maxwell, porta-voz do Departamento de Defesa, afirmou ao The Hill que a Lei CARES "não estabelece nenhum limite" do uso do financiamento "unicamente na base industrial de suprimentos médicos" e que certos gastos de Defesa eram "apropriados sempre que abordavam os impactos relacionados com a COVID-19 na base industrial".

    Ela também adicionou que os impactos econômicos da pandemia "requerem uma ação rápida [...] para sustentar e fortalecer as capacidades essenciais da base industrial nacional".

    Mais:

    Construção de mísseis de cruzeiro nucleares navais é necessária para dissuadir Rússia, diz Pentágono
    Pentágono explica destacamento de tropas para perto da fronteira com Rússia
    Pentágono cria força-tarefa para investigar OVNIs após 'preocupações', diz CNN
    Tags:
    COVID-19, novo coronavírus, fundos, Departamento de Defesa dos EUA, Pentágono
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar