07:49 26 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    1171
    Nos siga no

    Dois bombardeiros russos Tu-22M3 sobrevoaram as águas neutras do mar Negro, onde foram escoltados por caças estrangeiros em alguns trechos da rota.

    De acordo com o Ministério da Defesa russo, as aeronaves percorreram mais de 4,5 mil quilômetros, realizando um voo de mais de cinco horas.

    Durante o voo, os bombardeiros foram escoltados por caças russos Su-27 e por caças estrangeiros.

    O Ministério da Defesa da Rússia informou que todos os procedimentos foram realizados de acordo com as regulamentações internacionais de voo.

    Na terça-feira (15), os dispositivos de controle do espaço aéreo russo detectaram um alvo aéreo se aproximando da fronteira do Estado russo sobre as águas neutras do mar Báltico, fazendo com que um caça russo Su-27 fosse despachado para uma missão de interceptação.

    Aeronaves russas Su-27 e Su-30 também foram acionadas na segunda-feira (14) após as autoridades da Rússia identificarem três bombardeiros estratégicos B-52H da Força Aérea dos EUA, que foram escoltados pelos caças russos sobre o mar Negro.

    Mais:

    Caça russo MiG-31 intercepta avião de reconhecimento norueguês no mar de Barents
    Caça russo Su-27 intercepta 3 aeronaves de reconhecimento da OTAN sobre Báltico
    Caças britânicos Typhoon interceptam avião russo Il-20 sobre mar Báltico, diz Força Aérea Real
    Tags:
    Mar Negro, Rússia, bombardeiro estratégico, bombardeiros, Bombardeiro, avião de assalto, avião de combate, avião de ataque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar