03:49 04 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    1121
    Nos siga no

    Caças Su-27 da Frota do Mar Negro da Rússia decolaram para interceptar uma aeronave da Força Aérea dos EUA, segundo a assessoria de imprensa do Distrito Militar do Sul.

    "No dia 1º de julho de 2020, forças de prevenção do Distrito Militar do Sul descobriram a tempo as ações de uma aeronave de reconhecimento da Força Aérea dos EUA sobre o mar Negro e efetuaram sua escolta por caças russos. A uma distância considerável da fronteira russa, o alvo aéreo que se aproximava foi sendo monitorado constantemente por radares russos", informa a mensagem.

    Caça Su-27 recebendo autorização para decolagem (imagem referencial)
    © Sputnik / Igor Zarembo
    Caça Su-27 recebendo autorização para decolagem (imagem referencial)

    Para realizar a interceptação, caças Su-27 da aviação naval da Frota do Mar Negro decolaram para proteger o espaço aéreo do Distrito Militar do Sul.

    "Os caças russos se aproximaram do alvo aéreo e o identificaram como sendo uma aeronave de reconhecimento RC-135W Rivet Joint da Força Aérea dos EUA. Não houve violação da fronteira russa", acrescenta a mensagem.

    Vale destacar que os voos das aeronaves russas foram executados de acordo com as regras internacionais para utilização do espaço aéreo.

    Mais:

    Caças Su-27 interceptam F-16 da OTAN perto da fronteira russa no Báltico (VÍDEO)
    Caças russos escoltam bombardeiros norte-americanos B-52H sobre mar de Okhotsk
    Rússia usa 'enxame' de caças Su-35 para conduzir exercícios em conjunto com Su-57
    Tags:
    avião espião, EUA, Rússia, Su-27, avião de assalto, avião de combate, avião de ataque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar