01:55 12 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    3561
    Nos siga no

    Corporação estatal russa Rostec iniciou voos de teste do avião modernizado An-140-100, que será capaz de fazer imagens do solo com alta resolução e ser usado para operações de reconhecimento.

    Após a conclusão dos trabalhos da instalação de sistemas da aeronave, um avião An-140-100 foi entregue para uma base de voos experimentais para realização de testes, tanto em solo quanto no ar.

    O objetivo é analisar a segurança e confiabilidade da estrutura e a eficiência dos equipamentos instalados, publicou a Corporação Unida de Construção Aeronáutica (pertencente à Rostec).

    Logo após os primeiros testes, a aeronave será submetida a outros voos de teste de caráter especial.

    "No atual momento já foi realizada mais da metade dos voos do programa, os trabalhos estão sendo feitos com sucesso", declarou o diretor da fábrica de testes V.M. Myasischev, Aleksandr Gorbunov.

    An-140-100

    A versão modernizada do An-140-100 é designada para criar imagens cartográficas com grande resolução.

    Tal material poderá ser usado no futuro para criação de informação digital de determinada região, incluindo mapas eletrônicos e digitais, assim como modelos espaciais e tridimensionais da superfície e também do leito de aquíferos e da plataforma continental.

    Desta forma, os dados obtidos pela aeronave podem ser usados para diferentes propósitos.

    Mais:

    Avião espião P-8A Poseidon dos EUA teria sido avistado próximo de base russa na Síria
    Militares russos detectam avião espião dos EUA próximo de base aérea russa na Síria
    Avião espião americano símbolo da Guerra Fria ganha 'nova vida' com modernização
    Tags:
    aeronave, Rússia, inteligência, avião russo, avião espião
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar