11:07 13 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    4433
    Nos siga no

    Durante um ensaio para o desfile da Vitória, que ocorrerá no dia 24 de junho na Praça Vermelha, em Moscou, foi avistado e fotografado pela primeira vez o novo lança-chamas pesado russo Tosochka ou TOS-2.

    Anteriormente, haviam sido publicadas apenas algumas imagens esquemáticas que davam uma ideia sobre o funcionamento deste equipamento.

    Assim como revela a imagem, alguma das principais diferenças do TOS-1 é a base motriz. O novo TOS-2 tem como base um caminhão Ural de três eixos ao invés do chassi do tanque T-72. Esta configuração deveria proporcionar uma maior mobilidade e autonomia.

    Lança-chamas pesado de nova geração "Tosochka". 

    No entanto, outra diferença em comparação com os lança-chamas pesados da geração anterior não foi captada na imagem: um elevador automático, que agora permite a tripulação recarregar a munição sem ajuda de equipamentos ou máquinas adicionais.

    Como exemplo, anteriormente os lança-foguetes TOS-1 e TOS-1A precisavam da ajuda de um veículo de transporte e carga especial para recarregar os projéteis.

    Enquanto isso, o TOS-2 conta com sistemas de comunicação e navegação por GLONASS. Com sua ajuda, os operadores podem receber informação sobre os alvos enviados pelo sistema automatizado que coordena as ações das tropas.

    Com todos estes avanços, os operadores podem corrigir o disparo com a ajuda de drones. Além disso, o tempo de implantação foi reduzido.

    Mais:

    Blindado russo T-15 Armata será equipado com módulo de combate contra tanques e drones
    Novo sistema de defesa antimíssil russo é projetado para 'blindar' Moscou
    Rússia adota novo blindado para abrir caminho às tropas
    Tags:
    sistema de defesa, Rússia, equipamento militar, lançamento de foguetes, foguetes
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar