07:30 03 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    2201
    Nos siga no

    As entregas em série dos mísseis aéreos de última geração Broneboischik e bombas aéreas planadoras Drel ao Exército russo devem começar nos próximos anos, disse Aleksandr Kochkin, vice-diretor da fabricante russa Techmash.

    "Temos tudo pronto para a produção do Broneboischik [Perfurador de Blindagem, em português]. Além disso, fabricamos às nossas custas um lote destes mísseis para uso militar experimental", comentou Kochkin.

    Em entrevista à Sputnik, o vice-diretor da empresa, que faz parte da corporação estatal russa Rostec, recordou que os testes estatais do novo míssil foram concluídos no ano passado.

    "Atualmente, todas estas questões foram resolvidas com o Ministério da Defesa. Nos próximos tempos começará a preparação dos documentos para a implementação do Broneboischik em serviço", acrescentou.

    Os novos mísseis aéreos são destinados para aviões de assalto tais como Su-25, bem como para os helicópteros da série Mi-8.

    Anteriormente ex-diretor-geral da empresa Techmash Vladimir Lepin disse que o referido míssil é capaz de perfurar obstáculos colocados perante os alvos sem se destruir, continuando seu voo.

    'Furadeira' – nova bomba aérea russa

    Além dos novos mísseis Broneboischik, é planejado que o Exército da Rússia comece a receber em 2022 a nova bomba aérea Drel (Furadeira).

    Conforme destacou Aleksandr Kochkin, a particularidade desta bomba é que o avião de combate pode lançá-la estando fora de alcance do armamento inimigo. Drel consegue chegar ao alvo por si própria, explodindo no momento preciso.
    Bomba planadora PBK-500U SPBE-K Drel (foto de arquivo)
    © Foto / Vitaly V. Kuzmin
    Bomba planadora PBK-500U SPBE-K Drel (foto de arquivo)

    A bomba é equipada com componentes de guiamento, capazes de direcionar o projétil durante o final de seu voo, conseguindo atingir dessa maneira o alvo com um golpe mais certeiro. Por isso, sua principal capacidade reside na capacidade de planar.

    Mais:

    Equipado até os dentes: como será novo caça russo Su-57 de 5ª geração
    Defesa revela quando serão realizados testes dos novíssimos sistemas S-500
    Primeiro canhão superpotente Malka entra em serviço no Exército russo
    Tags:
    Rússia, armamentos pesados, material bélico, Mi-8, SU-27, Su-25, bombas guiadas, míssil, armas russas, Exército da Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar