23:55 14 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    4403
    Nos siga no

    A Marinha dos EUA criticou a interceptação por caças russos de seu avião de reconhecimento Boeing P-8A Poseidon sobre águas internacionais do Mediterrâneo.

    "Pela terceira vez em dois meses, os pilotos russos voaram de maneira insegura e pouco profissional enquanto interceptavam um avião de reconhecimento naval P-8A da Marinha dos EUA", comunicou nesta terça-feira (26).

    Na ocasião, dois caças russos voaram com o Poseidon por 65 minutos sobre águas internacionais. Por sua vez, a Marinha norte-americana considerou a interceptação como "insegura e pouco profissional" devido aos pilotos russos se terem aproximado das asas da aeronave norte-americana simultaneamente, restringindo a capacidade de manobra do P-8A.

    "As ações desnecessárias dos pilotos russos do Su-35 foram inconsistentes com a aeronave e com as regras internacionais de voo, comprometendo a segurança de voo de ambos os aviões", acrescentou a Marinha.

    • Dois caças russos Su-35 interceptam uma aeronave de reconhecimento P-8A Poseidon da 6ª Frota dos EUA sobre o mar Mediterrâneo em 26 de maio de 2020
      Dois caças russos Su-35 interceptam uma aeronave de reconhecimento P-8A Poseidon da 6ª Frota dos EUA sobre o mar Mediterrâneo em 26 de maio de 2020
    • Dois caças russos Su-35 interceptam uma aeronave de reconhecimento P-8A Poseidon da 6ª Frota dos EUA sobre o mar Mediterrâneo em 26 de maio de 2020
      Dois caças russos Su-35 interceptam uma aeronave de reconhecimento P-8A Poseidon da 6ª Frota dos EUA sobre o mar Mediterrâneo em 26 de maio de 2020
    1 / 2
    Dois caças russos Su-35 interceptam uma aeronave de reconhecimento P-8A Poseidon da 6ª Frota dos EUA sobre o mar Mediterrâneo em 26 de maio de 2020

    Em abril, ocorreram situações semelhantes com a Marinha dos EUA, que protestou contra a interceptação realizada por um caça Su-35. Na ocasião, o caça se aproximou a apenas seis metros de distância do Poseidon.

    Por sua vez, o Ministério da Defesa russo afirmou que os caças russos haviam detectado "um alvo aéreo voando em direção às instalações militares russas na Síria".

    O P-8A Poseidon foi desenvolvido a partir do modelo Boeing 737 e adotado pela Marinha dos EUA em 2013 como uma aeronave de patrulhamento antissubmarino e reconhecimento.

    Mais:

    Caças Su-35 da China são 'dor de cabeça' para EUA, diz mídia
    Su-35 vs. MiG-35: The National Interest compara capacidades dos caças russos
    Marinha dos EUA planeja expandir arsenal de armas dos aviões espiões P-8A Poseidon
    Tags:
    Su-35, EUA, mar Mediterrâneo, Rússia, avião de assalto, avião de combate, avião de ataque, interceptação
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar