04:29 03 Junho 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    236
    Nos siga no

    Um Boeing P-8A Poseidon dos EUA conduziu uma missão de reconhecimento perto da costa da Síria, onde uma base militar russa está localizada.

    A aeronave decolou da Base Aérea de Sigonella, da OTAN, localizada na ilha italiana da Sicília, segundo o site de dados de monitoramento de voo Plane Radar.

    ​Às 14h55 no horário de Moscou. Avião de reconhecimento antissubmarino, Boeing P-8A Poseidon da Marinha dos EUA decolou da base aérea de Sigonella, na região oriental do mar Mediterrâneo.

    O P-8A norte-americano foi para a Síria, onde conduziu sobrevoo próximo da Base Aérea de Hmeymim, em Latakia, por mais de meia hora.

    ​Às 15h15 no horário de Moscou. A aeronave conduziu um voo de reconhecimento na costa síria.

    A base foi construída em 2015, quando a Rússia iniciou operação militar contra o Daesh (grupo terrorista proibido na Rússia e em outros países) a pedido da Síria. A base conta com sistemas de defesa S-400 e contingente de caças.

    O episódio ocorreu depois de três aviões norte-americanos terem sido avistados próximo das fronteiras da Rússia com os países bálticos.

    De acordo com a mídia local, um RC-135W, um P-8A Poseidon e um Beechcraft RC-12X sobrevoaram por várias horas nas proximidades do território russo.

    Mais:

    Avião espião dos EUA faz aterrissagem atípica no Reino Unido (VÍDEO)
    Avião espião britânico realiza voo próximo de região russa
    Avião espião dos EUA é detectado próximo da Coreia do Norte
    Tags:
    Rússia, avião militar, avião de reconhecimento, avião espião, base aérea, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar