22:08 07 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    9471
    Nos siga no

    A Rússia estaria desenvolvendo novos sistemas de guerra eletrônica que serão capazes de neutralizar tanto mísseis hipersônicos como armas do futuro.

    O novo equipamento poderá suprimir os dispositivos de observação dos mísseis hipersônicos inimigos na parte final de sua trajetória de voo, evitando um ataque preciso de projéteis com torpedos oticoeletrônicos, satélites e de radar.

    Os novos sistemas serão empregados na proteção de importantes instalações militares e civis no país, como postos de comando e locais de lançamento das forças nucleares estratégicas, bem como fábricas, aeródromos e eixos de transportes, segundo o jornal Izvestia.

    Sistemas de mísseis antiaéreos russos S-400
    © Sputnik / Aleksei Malgavko
    Sistemas de mísseis antiaéreos russos S-400

    Além disso, os novos sistemas de guerra eletrônica serão uma forma "barata e efetiva de lidar com os equipamentos aéreos e munições hipersônicas", afirmou o fundador do portal Military Russia, Dmitry Kornev.

    "Não irá requerer o desdobramento de uma grande quantidade de radares e sistemas de defesa antimíssil, tampouco a produção de diversos sistemas de defesa antimíssil de longo alcance", considerou o especialista.

    Defender importantes instalações com sistema de guerra eletrônica é muito mais conveniente que proporcionar um sistema de defesa antimíssil em todo o país. O novo sistema "será uma adição à defesa aérea já existente" da Rússia, concluiu Kornev.

    Mais:

    Turquia pretende comprar mísseis Patriot dos EUA e manter S-400 russos
    Pentágono testará mísseis hipersônicos 5 vezes mais velozes que som
    Rússia terá dobro de radares capazes de detectar mísseis hipersônicos furtivos no Ártico
    Tags:
    sistema de defesa antimísseis, sistema de defesa antiaérea, sistema de defesa, míssil hipersônico, mísseis, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar