15:49 09 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    458
    Nos siga no

    Os Estados Unidos buscam com esta demonstração de poder enviar uma mensagem de que permanecem comprometidos com seus amigos no oceano Pacífico.

    Efetivos da Força Aérea dos EUA estacionados na base aérea Andersen, em Guam, recentemente mostraram sua capacidade militar ao organizar a chamada Caminhada do Elefante, envolvendo diversas aeronaves.

    Entre as aeronaves apresentadas estavam os enormes bombardeiros estratégicos B-52 Stratofortress, aeronaves de reabastecimento KC-135 Stratotankers, drones MQ-4C Triton e a versão de ataque do mesmo.

    Alguém disse poder aéreo?

    Um MH-60S Knighthawk da Marinha dos EUA, um RQ-4 Global Hawk da Força Aérea dos EUA, um MQ-4C Triton da Marinha, B-52 Stratofortress da Força Aérea e KC-135 Stratotankers estacionados na base aérea Andersen, em Guam, realizam a Caminhada do Elefante em 13 de abril de 2020

    A Caminhada do Elefante envolve um grupo de aeronaves em rolagem em uma formação bem próxima, geralmente antes de conduzir com intervalos mínimos decolagens para operações massivas.

    Contudo, a base de Andersen aparentemente limitou este show aéreo para somente uma demonstração de rolagem, uma vez que sua página no Facebook não fez nenhuma menção sobre manobras de treinamento.

    A base militar dos Estados Unidos demonstrou sua operabilidade, uma vez que dois porta-aviões norte-americanos operando no Pacífico estão atualmente incapacitados de patrulhar os mares devido à pandemia do coronavírus.

    Apesar de inúmeros pedidos de Pequim, Washington costumava regularmente enviar suas embarcações para uma região do oceano Pacífico disputada pela China com o pretexto de garantir a liberdade de navegação nos mares.

    Mais:

    Marinha Real britânica lança novíssimo submarino nuclear com torpedos e mísseis (FOTO)
    Forças de Haftar teriam abatido aeronave do GNA (VÍDEO)
    Rússia envia 8ª aeronave para ajudar Sérvia no combate ao novo coronavírus
    Tags:
    COVID-19, novo coronavírus, Força Aérea, Marinha, avião, aeronave, oceano Pacífico, EUA, Defesa
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar