11:07 07 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    0 90
    Nos siga no

    Um helicóptero de transporte pesado Yasur fez um pouso de emergência na região central de Israel durante a tarde de domingo (5), devido a falha técnica.

    Militares afirmaram ao The Time of Israel que uma equipe de manutenção estava trabalhando na reparação da aeronave, e que se trata do terceiro incidente deste tipo em apenas seis meses.

    ​Helicóptero Yasur, das IDF, fez um pouso de emergência na região central de Israel, ele será reparado e em breve retornará às operações.

    O incidente revela os problemas enfrentados pelos helicópteros mais antigos das Forças de Defesa de Israel (IDF). Segundo informações, a frota de aparelhos Yasur deve ser substituída nos próximos anos.

    O pouso de emergência foi realizado com sucesso e ninguém ficou ferido, segundo as IDF.

    ​O helicóptero Yasur da Força Aérea Israelense que fez um pouso de emergência no centro de Israel decolou novamente.

    Os helicópteros Yasur foram comprados dos EUA no final dos anos 60, tendo passado por diversas restaurações e modernizações. Entretanto, isso não foi o bastante para evitar as consecutivas falhas, reforçando a necessidade de uma renovação da frota.

    Em novembro do ano passado, outra aeronave que transportava 14 soldados precisou realizar um pouso de emergência em uma área no sul de Israel, após apresentar falha técnica no rotor esquerdo, que provocou um incêndio e destruiu a aeronave, sem ter feito vítimas.

    Em 1997, dois helicópteros Yasur colidiram no ar a caminho do sul do Líbano. Morreram 73 soldados, no que foi o desastre aéreo mais devastador de Israel.

    Mais:

    Sirenes de ataque aéreo soam no sul de Israel, informam forças israelenses
    Turquia teria forçado navio israelense a sair das águas do Chipre, segundo mídia
    Israel ataca Faixa de Gaza após lançamento de foguetes, informam Forças Armadas israelenses
    Tags:
    Israel, Força Aérea, acidente aéreo, incidente aéreo, helicópteros, helicóptero
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar