13:35 27 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    1710
    Nos siga no

    Sikorsky, uma companhia da Lockheed Martin, e Bell foram escolhidas para construir protótipos da Futura Aeronave de Reconhecimento e Ataque (FARA) para o Exército dos EUA.

    O Exército norte-americano está planejando produzir uma FARA e uma Futura Aeronave de Ataque de Longo Alcance (FLRAA, na sigla em inglês) que lentamente irão substituir a frota construída pela Sikorsky de helicópteros UH-60 Black Hawk e AH-64 Apache, revela a publicação militar Defense News.

    Os FARA vão preencher um nicho importantíssimo, atualmente ocupado pelos helicópteros de ataque AH-64E Apache em conjunto com drones após a retirada dos OH-58D Kiowa Warrior.

    Anteriormente, o Exército tentou por três vezes desenvolver um novo helicóptero para esta posição. Foram considerados os planos de execução, tempo de avaliação e requerimentos do perfil de financiamento.

    Em outubro de 2019, a Lockheed demonstrou seu design – Raider X – na conferência anual da Associação do Exército dos EUA. O design da companhia usa sua tecnologia coaxial Raider X2, enquanto a Bell revelou a sua versão – Bell 360 Invictus – que é baseada na tecnologia 525.

    Contudo, seu design inclui diversas características chave diferentes, como as dimensões para aderir aos requerimentos do Exército.

    Mais:

    'Cabo de guerra': Pentágono e Lockheed Martin reclamam acesso a sistema do caça F-35
    Pentágono fecha contrato milionário de armas hipersônicas com Lockheed Martin
    Helicóptero militar com diplomatas a bordo cai em Mianmar (FOTOS)
    Tags:
    Lockheed Martin, EUA, Apache AH-64, helicóptero, defesa
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar