21:42 04 Abril 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    Coronavírus se espalha pelo mundo (498)
    171
    Nos siga no

    A pandemia do coronavírus pode afetar a prontidão das forças norte-americanas, disse o secretário de Defesa dos EUA, Mark Esper.

    O Departamento de Defesa dos EUA também reconheceu que não pode atender a todas as necessidades domésticas criadas pelo coronavírus.

    "Se esta pandemia continuar na escala e no alcance que alguns estão prevendo, com o tempo vocês poderão começar a ver um impacto na prontidão. À medida que este vírus aumenta e se espalha, obviamente veremos mais e mais impacto sobre as pessoas nas nossas fileiras", disse Esper.

    O secretário de Defesa norte-americano, citado pelo The Washington Examiner, explicou que o declínio da prontidão será devido ao cancelamento de uma série de exercícios, o que já está acontecendo devido à pandemia do coronavírus.

    Ao mesmo tempo, o governante destacou que o Departamento de Defesa dos EUA continua "pronto para defender o país".

    Vista do prédio do Pentágono, em Washington D.C, capital dos EUA
    © AP Photo / Charles Dharapak
    Vista do prédio do Pentágono, em Washington D.C, capital dos EUA

    Segundo os últimos dados, 249 casos de coronavírus foram registrados no Pentágono entre militares, especialistas civis, trabalhadores contratados e membros de suas famílias, tendo uma pessoa morrido.

    Tema:
    Coronavírus se espalha pelo mundo (498)

    Mais:

    EUA mobilizam 4.000 militares da Guarda Nacional em 31 estados, diz secretário de Defesa
    Pentágono confirma teste positivo para coronavírus em fuzileiro da Marinha dos EUA na Virgínia
    Exército dos EUA entra em Nova York para conter coronavírus (FOTOS)
    Tags:
    Mark Esper, Pentágono, Departamento de Defesa dos EUA, pandemia, COVID-19, novo coronavírus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar