00:11 12 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    7197
    Nos siga no

    O navio de reconhecimento Pribaltika (SSV-80) da Frota do Pacífico da Rússia foi avistado perto da ilha de Oahu no arquipélago de Havaí, onde está localizada Pearl Harbor – a principal base naval da Frota do Pacífico dos EUA.

    "Ao meio-dia de 8 de março, no horário local, o navio USCGC Kimball da Guarda Costeira dos EUA, enquanto patrulhava ao sul da ilha de Oahu do arquipélago do Havaí, descobriu um navio que foi identificado como o grande navio de reconhecimento Pribaltika do projeto 1826 [...] que faz parte da Frota do Pacífico da Rússia", lê-se no comunicado da Guarda Costeira dos EUA.

    De acordo com informações dos militares estadunidenses, o navio de reconhecimento se encontra nesta zona para monitorar os próximos testes de sistemas de defesa antimísseis.

    O navio USCGC Kimball está atualmente monitorando a circulação do navio de reconhecimento russo no Pacífico.

    Conferindo algum tráfego marítimo interessante nas proximidades da ilha de Oahu: o navio de coleta de inteligência russo Pribaltika. Você não vê isto todos os dias!
    A embarcação Pribaltika está armada com dois lançadores quádruplos de mísseis antiaéreos Strela-2M e um sistema de artilharia antiaérea com um canhão de seis canos de 30 mm AK-630.

    Na semana passada, a Marinha dos EUA alegou que sua aeronave P-8A Poseidon teria sido atingida por laser apontado por militares chineses em 17 de fevereiro, enquanto realizava sobrevoo de "águas internacionais" a cerca de 380 milhas a oeste de Guam, ecreve jornal Rossiyskaya Gazeta.

    A Marinha acrescentou que o "laser não era visível a olho nu", mas foi detectado pelos sensores da aeronave. O laser poderia ter causado "danos sérios à tripulação do avião e marinheiros, assim como a sistemas aéreos e navais".

    As acusações também foram publicadas na conta do Instagram da Marinha dos EUA, que acusou a China de violar tratados internacionais.

    Mais:

    EUA fortalecem Corpo de Fuzileiros para conter Marinha chinesa
    Pentágono confirma teste positivo para coronavírus em fuzileiro da Marinha dos EUA na Virgínia
    Marinha dos EUA é obrigada a divulgar relatório secretíssimo do afundamento de seu submarino nuclear
    Tags:
    navios russos, reconhecimento, Guarda Costeira dos EUA, Pearl Harbor, Oceano Pacífico, Pacífico
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar