11:54 09 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    616
    Nos siga no

    Apesar de atrasos na solicitação de desenvolvimento de um Interceptador de Próxima Geração para a Agência de Defesa de Mísseis, de acordo com seu diretor, ela será publicada "em breve".

    Após a descontinuação do Veículo Mortal Reprojetado (RKV, na sigla em inglês) em 2019, o vice-almirante Jon Hill, diretor da agência dos Estados Unidos, expôs o roteiro para desenvolver um Interceptador de Próxima Geração (NGI, na sigla em inglês). O RKV deveria modernizar o sistema de defesa interna dos EUA das ameaças de mísseis balísticos.

    O plano de aquisição do NGI, a solicitação de projetos de propostas e a criação de exigências foram colocados de forma paralela, disse Hill para repórteres nesta terça-feira (3), segundo o portal Defense News.

    "O mais importante são as exigências, portanto, precisamos fazer isso corretamente", afirma o almirante.

    Para isso, segundo Hill, a agência acionou o Conselho de Supervisão de Exigências Conjuntas em vez do Comitê de Forças Permanentes Operacionais, que é um comando focado em combate.

    "Queremos entregar a primeira fase o mais rápido possível. Isto também significa que não podemos tomar atalhos no projeto, ou nas exigências, ou no regime de provas de voo, porque se a intenção é poupar tempo isto é o que a maioria dos programas fariam. Portanto, não podemos nos permitir isso, mas direi a vocês que nosso cronograma está focado em quem escolheremos mais tarde", comenta a autoridade militar norte-americana.

    Na visão do oficial general, isto significa fazer com que a indústria se sente à mesa e se comprometa a determinar um cronograma coerente. Aparentemente, a meta é que os testes de voo sejam implementados entre 2025 e 2026.

    Mais:

    Estados Unidos e Talibã assinam acordo de paz no Qatar
    Estados Unidos não podem fornecer mísseis Patriot à Turquia, afirma Erdogan
    Defesa dos EUA seria incapaz de interceptar modernos mísseis russos e chineses
    Tags:
    mísseis, militar, Estados Unidos, interceptadores
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar