15:36 09 Abril 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    20371
    Nos siga no

    Boris Obnosov, diretor-geral da Corporação de Mísseis Táticos, falou dos planos interempresariais para equipar os veículos aéreos não tripulados russos com munições de peso entre 50 e 100 kg.

    A Corporação de Mísseis Táticos (KTRV, na sigla russa) está desenvolvendo várias novas munições de 50 a 100 quilos para os drones da Kronstadt e da Sukhoi, disse Boris Obnosov, diretor-geral da companhia russa, aos jornalistas.

    "Há algum tempo queriam nos propor o desenvolvimento de drones, mas nós não o aceitamos, pois o nível de competência dos nossos especialistas neste campo é pequeno. Quanto às munições para drones, estamos trabalhando ativamente nessa área", disse Obnosov.

    Ele acrescentou que o desenvolvimento deste tipo de produtos, com pesos de 50 a 100 quilos, é muito relevante. "Estamos trabalhando em vários aspetos. Por exemplo, nós trabalhamos diretamente com a companhia Kronstadt em seus aparelhos, bem como com o Escritório de Projetos Sukhoi quanto ao drone de ataque pesado", explicou.

    Aeronave não tripulada Okhotnik
    © Sputnik / Ministério da Defesa da Rússia
    Aeronave não tripulada Okhotnik

    O Escritório de Projetos Sukhoi desenvolveu o drone pesado Okhotnik, que foi concebido como um drone "asa voadora", usando materiais e revestimentos especiais que o tornam praticamente invisível aos dispositivos de detecção por radar. O drone está munido de equipamento especializado para reconhecimento optoeletrônico, radiotécnico e outros tipos de vigilância.

    "A Kronstadt, por sua vez, é conhecida pelo seu drone Orion de longo alcance. É o primeiro sistema de reconhecimento aéreo na Rússia com um veículo aéreo não tripulado de longa duração de voo, correspondente à classe MALE [voo de longa duração de média altitude, sigla em inglês] na classificação internacional."

    "As missões do sistema são o reconhecimento e o patrulhamento aéreo, a determinação das coordenadas de objetivos no solo e marítimos de superfície [e] a filmagem topográfica do terreno."

    A duração máxima de voo do veículo aéreo não tripulado será de pelo menos 24 horas, com um teto de 8 mil metros de altura. O peso do Orion é de 1.100 quilos e sua carga útil é de 250 quilos.

    Mais:

    Drone russo Okhotnik e caça Su-57 voam juntos pela 1ª vez (VÍDEO)
    À 3ª é de vez? Míssil BrahMos totalmente integrado com plataforma Su-30, diz Índia
    Rússia poderá criar 1º no mundo drone submarino nuclear, prevê analista de Forbes
    Tags:
    Orion, Sukhoi, Kronstadt, KTRV
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar