20:36 26 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    15621
    Nos siga no

    Há uma década, o caça russo Su-57 de quinta geração subiu ao céu pela primeira vez, e embora o avião ao longo dos anos tenha se transformado em uma arma de combate capacitada, seu desenvolvimento ainda não parou.

    Apesar de os novos Su-57 ainda voarem com motores de quarta geração, planeja-se instalar no futuro os motores de segunda etapa, mais conhecidos como Artigo 30, que têm sido testados desde 2017.

    O motor Artigo 30 é um motor absolutamente novo, criado do zero, e não uma versão modernizada de modelos anteriores. Com ele esse caça russo será capaz de manter a velocidade supersônica de cruzeiro sem usar o modo pós-combustão – que é um dos principais requisitos do Ministério da Defesa da Rússia para as aeronaves de quinta geração.

    Características sigilosas

    A maioria das características do novo motor ainda é "secreta", mas já se sabe que a aeronave decolará e ganhará altitude muito mais rapidamente e manobrará com maior eficácia no combate aéreo com grandes sobrecargas.

    Essa capacidade foi alcançada graças ao aumento do empuxo, enquanto que o consumo específico de combustível permanece no mesmo nível.

    Outra característica importante do Artigo 30 é o sistema de ignição de plasma. A ausência de erupções de chama reduzirá significativamente a visibilidade do caça na faixa visível e infravermelha de radiação.

    Testes bem-sucedidos

    Paralelamente ao aperfeiçoamento do motor, continua a modernização e testes de vários sistemas, componentes e unidades de bordo do novo caça, e não apenas em polígonos russos. Em 2018 duas aeronaves foram usadas em condições reais de combate na Síria, onde realizaram mais de dez voos em dois dias.

    No final de 2019, o chefe do Estado-Maior russo, general Valery Gerasimov, disse que o Su-57 tinha passado com sucesso a segunda fase dos testes na Síria e tinha testado novamente novos modelos de mísseis e bombas, entre outras coisas.

    De acordo com o presidente da estatal russa Corporação Unida de Construção Aeronáutica, Yury Slyusar, o avião é capaz de carregar muitos meios de ataque, alguns dos quais já foram criados e outros estão sendo desenvolvidos.

    Com uma carga máxima de combate de cerca de 10 toneladas, o Su-57 poderá utilizar armas guiadas e não guiadas, mísseis de cruzeiro ar-ar de curto, médio e longo alcance, mísseis ar-superfície e bombas guiadas de vários calibres. É possível que, após 2030, esses aviões sejam portadores de sistemas de mísseis hipersônicos Kinzhal.

    De acordo com as últimas declarações da administração da estatal Rostec, as entregas em grande escala do Su-57 começarão este ano. O contrato para a transferência de 76 caças foi assinado em 2019.

    Caças multifuncionais russos de quinta geração Su-57 realizam voo de demonstração no Salão Aeroespacial Internacional MAKS 2019 em Zhukovsky, na Rússia
    © Sputnik / Mikhail Voskresensky
    Caças multifuncionais russos de quinta geração Su-57 realizam voo de demonstração no Salão Aeroespacial Internacional MAKS 2019 em Zhukovsky, na Rússia

    Até 2028 prevê-se que o Su-57 seja usado para reequipar três regimentos de aviação de uma só vez, e os novos aparelhos funcionarão em conjunto com veículos aéreos não tripulados Okhotnik (Caçador), que estão atualmente sendo testados.

    Cumpre requisitos

    A lista de requisitos básicos para o caça inclui ele ser multifuncional (com capacidade de destruir alvos aéreos, terrestres e marítimos de forma igualmente eficaz), ter baixa visibilidade nas ondas ópticas, infravermelhas e de radar, bem como a supermanobrabilidade – a capacidade de realizar um voo controlado a baixas velocidades e ângulos de ataque elevados.

    Os projetistas russos conseguiram criar um caça verdadeiramente avançado e competitivo para a Força Aérea da Rússia e que também é de grande interesse para os clientes estrangeiros.

    Mais:

    Novas armas são desenvolvidas para caças Su-57 da Rússia
    Caças russos Su-57 teriam encontrado seu 1º comprador estrangeiro, diz mídia
    Revelado quando ocorrerá entrega massiva de caças Su-57 à Força Aeroespacial russa
    Tags:
    Ministério da Defesa Russo, 5ª geração, caça russo, Su-57
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar