16:01 19 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    9350
    Nos siga no

    Os militares chineses realizaram decolagens e pousos inaugurais de seus caças J-15 a bordo do Shandong, o primeiro porta-aviões fabricado na China.

    O novo navio foi incorporado à Marinha do país asiático em 17 de dezembro, embora tenha sido visto em ação anteriormente, durante os testes. Sua construção teve início em 2013 e foi concluída em 2017.

    Assim como no outro porta-aviões chinês, Liaoning, adquirido de Kiev, a embarcação opera com caças J-15. Esses caças foram construídos a partir de um protótipo do caça soviético Su-33, também adquirido da Ucrânia.

    Segundo autoridades chinesas, o novo porta-aviões recebeu o nome de uma província no leste da China. As regras de nomeação da Marinha do país determinas que navios de grande porte devem ostentar os nomes de províncias ou cidades chinesas.

    O Shandong tem 315 metros de comprimento e 75 metros de largura, possui 70 mil toneladas e é capaz de atingir a velocidade de 31 nós. A embarcação pode transportar um grupo de 36 caças J-15.

    Como a nova aquisição, a China se torna um dos poucos países com mais de um grupo de ataque com porta-aviões.

    Tags:
    Exercícios, porta-aviões, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar